acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Acidente

Vazamento de gás na P-35 faz Petrobras remover empregados

27/09/2011 | 09h31
Vinte e duas pessoas foram levadas para um hospital em Macaé após apresentarem reações de intoxicação devido a um vazamento de gás carbônico (CO2) na plataforma P-35, que opera no campo de Marlim, na bacia de Campos.

O gás foi detectado em alguns alojamentos da plataforma no início da manhã desta segunda-feira (26). Os funcionários reclamaram de dores de cabeça e náuseas, e foram atendidos no ambulatório da unidade.

De acordo com um comunicado enviado pela Petrobras, uma equipe médica foi até a plataforma e os funcionários intoxicados foram encaminhados para um hospital, para melhor avaliação. Segundo a companhia, 16 pessoas já receberam alta.

O gás CO2 é utilizado para manter um selo inerte (sem oxigênio) nos tanques de armazenamento de petróleo da P-35. As autoridades competentes foram comunicadas e a Companhia designou uma comissão para apurar as causas do incidente. A produção na plataforma, segundo a Petrobras, não foi interrompida, informou o comunicado.
 
A P-35 é a mesma plataforma onde ocorreu um princípio de incêndio em agosto do ano passado, o que provocou uma vistoria de técnicos da Capitania dos Portos.


Fonte: Agência Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar