acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Energia

UTE Pecém II, da MPX, se sincroniza ao SIN

03/06/2013 | 11h10
UTE Pecém II, da MPX, se sincroniza ao SIN
Usina Termelétrica Pecém II. MPX Usina Termelétrica Pecém II. MPX

 

A Usina Termelétrica Pecém II, com capacidade instalada de 360 MW, realizou a primeira sincronização com o Sistema Interligado Nacional (SIN) no último dia 2. O empreendimento está localizado no Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP), na cidade de São Gonçalo do Amarante, no Ceará. Movida a carvão mineral, a UTE Pecém II é um empreendimento 100% MPX.
Com a sincronização, a usina passa a fornecer energia ao SIN em caráter de teste, sendo esta a etapa final para a aprovação da Declaração de Operação Comercial pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).
A UTE Pecém II é o segundo empreendimento da MPX na região do CIPP. O primeiro é a Energia Pecém, uma parceria 50%/50% da MPX com a EDP, que já se encontra em operação comercial, com capacidade instalada de 720 MW. Juntas, as termelétricas do Pecém chegaram a gerar em torno de 20.000 oportunidades de empregos ao longo das obras de construção.
A MPX possui, atualmente, cinco empreendimentos em operação, com capacidade instalada total de 1.780 MW, contribuindo para a segurança energética do Brasil. Além disso, a empresa conta com uma carteira de 10.000 MW em projetos já licenciados.

A Usina Termelétrica Pecém II, com capacidade instalada de 360 MW, realizou a primeira sincronização com o Sistema Interligado Nacional (SIN) no último dia 2. O empreendimento está localizado no Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP), na cidade de São Gonçalo do Amarante, no Ceará. Movida a carvão mineral, a UTE Pecém II é um empreendimento 100% MPX.


Com a sincronização, a usina passa a fornecer energia ao SIN em caráter de teste, sendo esta a etapa final para a aprovação da Declaração de Operação Comercial pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).


A UTE Pecém II é o segundo empreendimento da MPX na região do CIPP. O primeiro é a Energia Pecém, uma parceria 50%/50% da MPX com a EDP, que já se encontra em operação comercial, com capacidade instalada de 720 MW. Juntas, as termelétricas do Pecém chegaram a gerar em torno de 20.000 oportunidades de empregos ao longo das obras de construção.


A MPX possui, atualmente, cinco empreendimentos em operação, com capacidade instalada total de 1.780 MW, contribuindo para a segurança energética do Brasil. Além disso, a empresa conta com uma carteira de 10.000 MW em projetos já licenciados.



Fonte: Ascom MPX
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar