acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Combustíveis

Universidade da Bahia ganha equipamento para monitorar qualidade do biodiesel

26/01/2007 | 00h00

Dentro de um programa de monitoramento da qualidade do biodiesel, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) pretende entregar sete cromatógrafos em seis universidades brasileiras, conforme as necessidades regionais.

Nesta segunda-feira (29/01), a agência entregará o equipamento para a Universidade de Salvador (Unifacs), na Bahia. O equipamento permite a realização de análises para verificar a proporção de biodiesel acionado no diesel e identificar a origem do produto, por meio de marcadores químicos utilizados por cada usina produtora.

Um dos equipamentos passa integrar os recursos técnicos do Centro de Pesquisas e Análises Tecnológicas - CPT, unidade laboratorial própria da ANP localizada no Distrito Federal. Os outros seis irão para laboratórios em universidades de São Paulo (Unesp), Rio Grande do Sul (UFRGS), Bahia (Unifacs), Rio Grande do Norte (UFRN), Mato Grosso (UFMT) e Piauí (UFPI).

Outros equipamentos serão entregues no dia 8 de fevereiro, no Rio Grande do Norte e no dia seguinte, n Piauí. Em Teresina, o diretor-geral da ANP Haroldo Lima assinará convênio com a Secretaria de Fazenda local para a ampliação das ações de fiscalização do combustível comercializado naquele estado. O convênio inclui a capacitação de 25 auditores fiscais da Secretaria, que desenvolverão ações coordenadas, em conjunto ou não com fiscais da ANP.

Segundo informa a Agência, convênios semelhantes já estão em vigor em praticamente toda a região Nordeste e ANP está buscando celebrar parcerias semelhantes em todos os estados do País.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar