acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Tecnologia

Toyota busca incentivos para instalar fábrica de carro híbrido no Brasil

15/10/2013 | 14h53

 

A Toyota apresentou ao governo proposta para fabricar um carro híbrido no país. Segundo Luiz Carlos Andrade, vice-presidente executivo da montadora, o Brasil poderá ser o primeiro país fora da Ásia a receber uma fábrica de carros híbridos da Toyota. Ele esteve hoje (15) com o Secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda, Márcio Holland.
Existem duas propostas para os carros híbridos. A primeira é com motor elétrico acoplado à combustão, como o Toyota Prius, considerado o carro ecológico da companhia. Outra é para um carro plug in, que necessita ser abastecido por meio de uma tomada.
“A ideia inicial e viável é, antes, importar. E depois pensar em verticalizar a produção. É um momento muito importante para todos nós. Para o governo, o incentivo à produção. E para a indústria, colocar a produção fora do hemisfério oriental”, disse Luiz Carlos Andrade.
O executivo evitou antecipar detalhes da conversa com o secretário e o valor do investimento. Segundo ele, o objetivo, agora, foi apresentar alternativas e avaliar como o governo recebe a iniciativa. “Eles ouviram o que nós tínhamos a dizer, e se comprometeram a examinar dentro do governo para a gente ter uma próxima conversa”, disse.
Para ele, tecnologia deve ser incentivada, porque assim “acontece em outros lugares do mundo, com incentivos tributários e medidas que facilitem a produção, localização e consumo”.

A Toyota apresentou ao governo proposta para fabricar um carro híbrido no país. Segundo Luiz Carlos Andrade, vice-presidente executivo da montadora, o Brasil poderá ser o primeiro país fora da Ásia a receber uma fábrica de carros híbridos da Toyota. Ele esteve hoje (15) com o Secretário de Política Econômica do Ministério da Fazenda, Márcio Holland.

Existem duas propostas para os carros híbridos. A primeira é com motor elétrico acoplado à combustão, como o Toyota Prius, considerado o carro ecológico da companhia. Outra é para um carro plug in, que necessita ser abastecido por meio de uma tomada.

“A ideia inicial e viável é, antes, importar. E depois pensar em verticalizar a produção. É um momento muito importante para todos nós. Para o governo, o incentivo à produção. E para a indústria, colocar a produção fora do hemisfério oriental”, disse Luiz Carlos Andrade.

O executivo evitou antecipar detalhes da conversa com o secretário e o valor do investimento. Segundo ele, o objetivo, agora, foi apresentar alternativas e avaliar como o governo recebe a iniciativa. “Eles ouviram o que nós tínhamos a dizer, e se comprometeram a examinar dentro do governo para a gente ter uma próxima conversa”, disse.

Para ele, tecnologia deve ser incentivada, porque assim “acontece em outros lugares do mundo, com incentivos tributários e medidas que facilitem a produção, localização e consumo”.

 



Fonte: Agência Brasil
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar