acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Sétima Rodada

Todos os blocos arrematados no SPOT-AP1 ficaram com a Petrobras

17/10/2005 | 00h00

A Petrobras arrematou na manhã desta segunda-feira (17/10) todos os cinco blocos do setor SPOT-AP1, na bacia Potiguar, que receberam ofertas na Sétima Rodada de licitações da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Ao todo, o SPOT-AP1, classificado como nova fronteira, é composto por 29 blocos. Os maiores valores foram pagos para levar os blocos POT-M-760 e POT-M-665, ambos de R$ 7 milhões. No primeiro, a Petrobras entrou como operadora (60%) do consórcio formado por EnCana (20%) e Petrogal (20%). O mesmo consórcio levou o POT-M-663 pagando bônus de R$ 800 mil. Além do POT-M665, o consórcio também operado pela Petrobras (80%) e formado pela Petrogal (20%), arrematou os POT-M-853 (R$ 4,5 milhões), e POT-M-855 (R$ 3,2 milhões).



Fonte:
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar