acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
Tupi

Teste vai definir, em 2009, o desenho do sistema de produção do megacampo

28/07/2008 | 09h18

A Petrobras iniciará no primeiro trimestre de 2009 um teste de longa duração para produção de 20 a 30 mil barris  por dia no megacampo de Tupi, localizado na área pré-sal da Bacia de Santos.

 

O presidente da companhia, José Sérgio Gabrielli, afirmou nesta sexta-feira (25), em entrevista no Rio de Janeiro,  que o teste de longa duração dará à empresa informações fundamentais para que seja definido o desenho do sistema  de produção futura de Tupi.

 

Está previsto ainda um teste piloto, em 2010, para produção de 100 mil barris. “Quanto às plataformas que vamos ter e o pico  de produção em Tupi, [isso] depende das informações que vamos ter dos resultados do teste de longa duração e do teste do sistema piloto de produção”, disse Gabrielli.

 

Ele confirmou a estimativa feita por um técnico da estatal, segundo o qual,  se a empresa tiver entre dez  a 11 plataformas, cada uma com 100 mil barris, isso resultaria na produção de 1,1 milhão de barris/dia em Tupi. O presidente da Petrobras acrescentou ainda que. em hipótese, pode ser isso. "Se for 15 (plataformas),  vai ser 1,5 milhão (de barris diários). Se for nove, vai ser 900 mil [barris].”

 

A estimativa preliminar da Petrobrás é que o campo de Tupi tenha, ao todo, reservas que  variam de cinco  bilhões a oito  bilhões de barris de petróleo e gás.



Fonte: Agência Brasil
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar