acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Economia

Tarifas de energia de São Paulo e Mato Grosso terão reajuste a partir desta sexta

06/04/2011 | 09h19
A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou ontem (5) o reajuste das tarifas de energia elétrica para distribuidoras de São Paulo e de Mato Grosso. Os novos valores começam a valer no dia 8 de abril.
 

Os 3,5 milhões de consumidores atendidos pela Companhia Paulista de Força e Luz (CPFL) terão reajuste de 7,23% na conta de luz. As indústrias terão aumento de 7,72% e as residências, de 6,95%. A empresa atende 234 municípios no estado de São Paulo.
 

Para as Centrais Elétricas Matogrossenses (Cemat), o reajuste médio aprovado pela Aneel foi de 12,89%, sendo que as indústrias terão reajuste de 12,22% e as residências de 13,16%. A distribuidora atende 1 milhão de unidades consumidoras em 141 cidades de Mato Grosso.
 

Segundo a Aneel os índices de reajuste são calculados levando em conta a variação de custos que a empresa teve no período. O reajuste anual é um dos três mecanismos de atualização das tarifas previstos nos contratos assinados entre as empresas e a União para manter o equilíbrio econômico-financeiro da concessão.
 

O reajuste também leva em conta a Revisão Tarifária Periódica (RTP) e a Revisão Extraordinária. Esses mecanismos, segundo a agência, são aplicados para permitir que a tarifa de energia seja justa aos consumidores e suficiente para cobrir custos do serviço com nível de qualidade estabelecido pela Aneel.


Fonte: Agência Brasil
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar