acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Rio Pipeline

Sucesso da Sétima Rodada é estímulo para setor de dutos, diz executivo

20/10/2005 | 00h00

Durante a cerimônia de encerramento da Rio Pipeline 2005, o presidente do Instituto Brasileiro do Petróleo (IBP), João Carlos De Luca, comentou o resultado da Sétima Rodada de Licitações da ANP, onde foram arrecadados cerca de US$ 450 milhões em bônus de assinatura e mais de US$ 1 bilhão já estão comprometidos em futuros investimentos.

Segundo o executivo, o desenvolvimento do setor de exploração e produção também se reverte em investimentos no setor de dutos e na cadeia de produção e comercialização petrolífera. "O sucesso na Sétima Rodada é também um estímulo para o setor de dutos", disse.

Segundo De Luca, o evento superou as expectativas e recebeu mais de 3 mil visitantes. Foram apresentados 1.025 trabalhos técnicos, de mais de 20 países e a feira reuniu 100 expositores. O executivo ressaltou a qualidade técnica dos trabalhos, o que também foi observada por vários expositores participantes do evento.

O presidente da Transpetro, Sérgio Machado, que também participou da mesa de encerramento do evento, avalia que o Brasil vive um período de "sucesso trás sucesso" e que entra no século XXI com grande potencial nas duas maiores riquezas do mundo: energia e água.

Trambém estiveram presentes à sessão de encerramento, o presidente da ASME, Richard Fiegel; o presidente do comitê organizador do evento, Antônio Sérgio Fragomeni e o presidente do comitê técnico, Carlos Camerini. 



Fonte:
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar