acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Negócios

Statoil reduz sua participação na bacia de Camamu-Almada

15/09/2011 | 16h24
A norueguesa Statoil está transferindo 10% e 15%, respectivamente, de suas licenças de exploração nos Blocos BM-CAL-7 e BM-CAL-10 para a empresa canadense Gran Tierra Energy. Ambas as licenças estão localizadas na bacia de Camamu-Almada, no litoral da Bahia. A transação está sujeita à aprovação pelas autoridades brasileiras.

"Esta transação é parte do processo de otimização da Statoil para maximizar o valor e reduzir o risco da carteira", diz Gareth Burns, vice-presidente sênior para Estratégia de Exploração e Desenvolvimento de Negócios da Statoil.

O Bloco BM-CAL-7 é operado pela Petrobras, que detém 60% da licença. Já no Bloco BM-CAL-10 a estatal brasileira tem participação de 40%.


Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar