acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Resultado

Sika atinge forte crescimento no primeiro trimestre deste ano

22/04/2014 | 15h12

 

SIKA ATINGE FORTE CRESCIMENTO NO PRIMEIRO TRIMESTRE DESTE ANO
- 23,3% de crescimento de vendas (15,6% em francos suíços) para CHF 1.206,2 milhões
- Ganhos de vendas em todas as regiões
- Crescimento de 20,6% nos mercados emergentes
 
Todas as regiões do grupo Sika contribuíram para o aumento significativo de 23,3% em vendas no primeiro trimestre de 2014. Este foi o quarto trimestre consecutivo com crescimento de vendas elevadas. Apesar de um efeito cambial negativo de 7,7%, o faturamento cresceu 15,6% em francos suíços.
 
"A ‘Estratégia de 2018’ iniciou com resultados positivos e registramos um excelente desempenho nos negócios para os primeiros três meses de 2014", disse o CEO da Sika, Jan Jenisch. "A acelerada expansão nos mercados em crescimento, os investimentos em novas fábricas, as aquisições que fizemos e os lançamentos de novos produtos, tiveram um impacto substancial para o crescimento da Sika no primeiro trimestre”.
 
As vendas da Sika cresceram 31,0% na região EMEA (Europa, Oriente Médio e África). Um ligeiro aumento na atividade de construção na Europa, que também foi sentido nos países em crise do sul europeu, contribuiu para esse crescimento, bem como as aquisições realizadas em 2013. Além disso, os lançamentos de novos produtos e o inverno ameno teve um efeito positivo sobre primeiro trimestre de negócios. Na região da América do Norte, o mercado de construção evoluiu positivamente e as vendas aumentaram 5,8%.
 
A expansão acelerada nos mercados emergentes está produzindo resultados convincentes. A região da Ásia/Pacífico cresceu 22,5%. Em particular, a China e os países do sudeste da Ásia, geraram um crescimento de dois dígitos.
 
As vendas continuaram a um nível elevado na América Latina, com um aumento de 17,1%. No entanto, a desvalorização de uma série de moedas locais, graves em alguns casos, resultou em grandes perdas cambiais.
 
Perspectivas
O Grupo Sika confirma sua meta de crescimento em 2014 de 6% a 8% a taxas de câmbio constantes, o que está em linha com a nova ‘Estratégia de 2018’. Através de novos investimentos em mercados em crescimento, o lançamento de novos produtos e as empresas adquiridas, a Sika continuará a prosseguir a sua estratégia de crescimento este ano. Os movimentos cambiais fortes e as condições de enquadramento que prevalecem em alguns mercados continuarão sendo um desafio durante este ano fiscal.

Todas as regiões do grupo Sika contribuíram para o aumento significativo de 23,3% em vendas no primeiro trimestre de 2014. Este foi o quarto trimestre consecutivo com crescimento de vendas elevadas. Apesar de um efeito cambial negativo de 7,7%, o faturamento cresceu 15,6% em francos suíços.

"A ‘Estratégia de 2018’ iniciou com resultados positivos e registramos um excelente desempenho nos negócios para os primeiros três meses de 2014", disse o CEO da Sika, Jan Jenisch. "A acelerada expansão nos mercados em crescimento, os investimentos em novas fábricas, as aquisições que fizemos e os lançamentos de novos produtos, tiveram um impacto substancial para o crescimento da Sika no primeiro trimestre”.

As vendas da Sika cresceram 31,0% na região EMEA (Europa, Oriente Médio e África). Um ligeiro aumento na atividade de construção na Europa, que também foi sentido nos países em crise do sul europeu, contribuiu para esse crescimento, bem como as aquisições realizadas em 2013. Além disso, os lançamentos de novos produtos e o inverno ameno teve um efeito positivo sobre primeiro trimestre de negócios. Na região da América do Norte, o mercado de construção evoluiu positivamente e as vendas aumentaram 5,8%.

A expansão acelerada nos mercados emergentes está produzindo resultados convincentes. A região da Ásia/Pacífico cresceu 22,5%. Em particular, a China e os países do sudeste da Ásia, geraram um crescimento de dois dígitos.

As vendas continuaram a um nível elevado na América Latina, com um aumento de 17,1%. No entanto, a desvalorização de uma série de moedas locais, graves em alguns casos, resultou em grandes perdas cambiais.

Perspectivas

O Grupo Sika confirma sua meta de crescimento em 2014 de 6% a 8% a taxas de câmbio constantes, o que está em linha com a nova ‘Estratégia de 2018’. Através de novos investimentos em mercados em crescimento, o lançamento de novos produtos e as empresas adquiridas, a Sika continuará a prosseguir a sua estratégia de crescimento este ano. Os movimentos cambiais fortes e as condições de enquadramento que prevalecem em alguns mercados continuarão sendo um desafio durante este ano fiscal.

 



Fonte: Redação TN/ Ascom Sika
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar