acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Internacional

Shell estuda unificar os dois conselhos da petroleira

17/06/2004 | 00h00

A Royal Dutch Shell estuda a possibilidade de unificar seus dois conselhos de administração para ganhar transparência depois do escândalo desencadeado depois de revisar suas reservas.
O presidente da petroleira anglo-holandesa, Jeroen Van der Veer, forma parte do comitê que estuda novas estratégias para devolver a credibilidade da companhia depois de ter revisado as reservas provadas em quatro ocasiões nos últimos meses. As sucessivas revisões prejudicaram a imagem da empresa ante seus acionista, entre os que se encontra o fundo de pensões dos empregados públicos da Califórnia, o maior dos Estados Unidos.
Com a revisão de sua estratégia, a Shell busca melhorar sua eficiência e reforçar sua liderança. Isto implicaria em uma simplificação da estrutura diretiva, que poderia resultar na constituição de um único conselho administrativo a quem responderia um conselheiro delegado. De qualquer forma, poderia haver outras opções. A Shell revelará sua nova estratégia na reunião de acionistas do dia 28 de junho, ainda que o resultado do estudo só será conhecido em novembro.
Uma direção única garantirá maior claridade à estratégia da companhia, afirmam os analistas, que duvidam que um único conselho seja a solução, já que boa parte dos males da empresa têm origem "cultural".
A Shell Transport & Trading, de Londres, e a Royal Dutch Petroleum, de Haya, possuem seus respectivos conselhos de administração desde a fusão de ambas empresas en 1907. A Shell Transport possui 40% do grupo e a Royal Dutch, o restante.



Fonte: Expansión
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar