acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Biocombustíveis

Shell amplia venda de biodiesel

15/03/2007 | 00h00

A Shell Brasil aumentou ontem sua rede de distribuição de biodiesel (B2) para 200 postos próprios e outros 188 postos de combustíveis, com o início da comercialização do B2 - que mistura 98% de diesel e 2% de biodiesel puro (B100) - nas bases de Cubatão (SP) e Goiânia (GO). Nestes locais serão mais 65 postos da rede Shell e 77 de outras bandeiras atendidos pela distribuidora. A empresa já comercializava o produto nos estados de Pernambuco, Bahia, Maranhão, Tocantins, Pará, Goiás e São Paulo. Outros locais devem ser atendidos até o fim do ano.

A adição de biodiesel ao diesel passará a ser obrigatória no mercado brasileiro somente a partir de 2008, mas a Shell, que tem mais de dez anos de experiência com o biodiesel na Europa, resolveu se antecipar. França, Itália e Alemanha são os principais mercados em que a companhia opera com o produto.

"A preocupação com os conceitos de desenvolvimento sustentável levou a empresa a apoiar a diversificação da matriz energética nacional. A iniciativa faz parte da política da companhia de investir em fontes renováveis de energia e em contribuir para o desenvolvimento energético sustentável do Brasil", disse a consultora de Marketing do Mercado Comercial da Shell Brasil, Alessandra Aragão.

A expansão para outras bases de abastecimento já está programada. A previsão da companhia é de que, ainda no primeiro semestre, as bases de Paulínia, Barueri e Vitória, entre outras, sejam contempladas com a comercialização de B2. Até o fim do ano, os investimentos da Shell Brasil ficarão em torno de R$ 10 milhões para a adequação das bases.



Fonte: Jornal do Commercio
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar