acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Energia Nuclear

Rosatom constrói primeira usina nuclear flutuante do mundo

12/05/2015 | 14h43
Rosatom constrói primeira usina nuclear flutuante do mundo
Divulgação Divulgação

A Rosatom está construindo a primeira usina nuclear flutuante do mundo. Voltada para lugares remotos, está prevista para começar a operar em 2018 e terá capacidade final de mais de 70 MW. Batizado de Academician Lomonosov, o empreendimento terá sua base em Pevek (na província russa de Chukotka).

Para regiões áridas, é possível desenvolver o projeto em conjunto com a usina de dessalinização, que permite produzir água potável a partir da água do mar. Além da energia elétrica, a iniciativa resolve inúmeros problemas gerados pela seca.

A usina nuclear flutuante possui ainda outras características únicas, que incluem desde a montagem em um estaleiro até espaços específicos para alojar os funcionários responsáveis pela operação. O projeto inclui ainda uma série de soluções inovadoras para questões de segurança e de estabilidade ambiental, com proteções para suportar tsunamis e até uma eventual colisão com outro navio. O enriquecimento do combustível utilizado para usinas flutuantes não ultrapassará o limite estabelecido pela AIEA, para cumprir o regime de não proliferação nuclear (até 20%).

O empreendimento é uma realização da subsidiária da Rosatom, a OKBM Afrikantov JSC, que atua como designer, fabricante e fornecedor único de equipamento.



Fonte: Redação / Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar