acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Bacia de Campos

Roncador deve ultrapassar Marlin como maior produtor

17/12/2007 | 00h00
O campo de Roncador, na Bacia de Campos, deverá tornar-se o maior produtor de petróleo do Brasil em meados de 2008, ultrapassando o atual campo de Marlim, também na Bacia de Campos. Segundo o coordenador de projetos de Roncador, Vilmar Carneiro Barbosa, a perspectiva é que o campo ultrapasse Marlim tão logo a P-52 e a P-54 atinjam seu pico de produção de 180 mil barris por dia cada uma.

Com isso, o campo atingirá 460 mil barris de óleo. Marlim hoje produz 480 mil bpd, mas com o declínio anual médio de produção deve fechar 2008 com 435 mil bpd. A produção de Roncador só será atingida também por conta da manutenção por mais dois anos no campo do navio FPSO Brasil, que tem capacidade para 100 mil bpd.

O FPSO havia sido instalado no campo apenas provisoriamente, substituindo a P-36, que afundou em 2001. “A empresa optou por manter esta unidade por mais tempo para garantir a produção no campo devido ao atraso em outras unidades”, disse. Para Roncador ainda estão previstas as instalações da P-55, que está sendo licitada e deverá entrar em operação em 2011; e da P-61, que deverá ser clonada a partir da P-54 e está prevista para produzir em 2012.

Ambas as plataformas acrescentarão a Roncador mais 360 mil barris de óleo e outros quatro milhões de metros cúbicos de gás natural por dia possíveis de serem comercializados, além dos cinco milhões que deverão ser produzidos a partir de 2008.

Fonte: Valor Econômico
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar