acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Empresas

Rolls-Royce anuncia atualização para turbinas industriais a gás

26/09/2012 | 14h57
Rolls-Royce anuncia atualização para turbinas industriais a gás
Rolls-Royce Rolls-Royce

 

A Rolls-Royce, empresa global de sistemas de energia, presente no Brasil há mais de 50 anos, lançou o RB211-Gzero, uma atualização de reequipamento para clientes que utilizam turbinas industriais a gás RB211, derivadas de aeronaves. Com o aprimoramento, esses usuários terão um aumento de potência de 10%, dependendo da temperatura ambiente e do tipo de motor da aeronave. O anúncio aconteceu durante o Simpósio de Turbomáquinas de 2012, em Houston, nos Estados Unidos.
O diretor de produção das RB211 da divisão de Energia da Rolls-Royce, Scott DeWolf, explicou a importância da atualização. “A RB211 é a turbina industrial a gás mais confiável e de fácil manutenção disponível no mercado. E a nova atualização RB211-Gzero oferece um aumento de potência de 10% que será fundamental para aumentar o desempenho e a rentabilidade do equipamento para os nossos clientes que atuam na geração de energia global e nos setores de petróleo e gás”, garante DeWolf.
Desenvolvido como um pacote modular para facilitar a manutenção, a atualização RB211-Gzero beneficiará, especificamente, operadores de uma frota mundial de mais de 440 variantes de geradores a gás RB211-C e RB211-G, que contam com turbinas energéticas RT-56 ou RT-62.
O aumento de potência resultadodo pacote RB211-Gzero é garantido durante a revisão de rotina das turbinas a gás, quando as unidades RB211 adequadas são reequipadas com um pacote modular que proporciona maior fluxo de ar no motor. Com isso, o aumento da capacidade energética, em condições ISO, é de 10% nos geradores RB211-G e de até 31% nos modelos RB211-C. Os valores dependem da configuração de cada pacote.
Esse simples reequipamento pede uma modificação mínima na turbina a gás já existente e também garante que a produção de petróleo e a facilidade do tempo de descanso na geração de energia sejam minimamente reduzidos.
Com cerca de 700 unidades vendidas, em um recorde de 30 milhões de horas de operação, a turbina a gás RB211 está disponível em uma escala de de 29 a 44 megawatts (MW) e fornece soluções ideais para atividades de geração de energia, petróleo e gás nos setores onshore e offshore.

A Rolls-Royce, empresa global de sistemas de energia, presente no Brasil há mais de 50 anos, lançou o RB211-Gzero, uma atualização de reequipamento para clientes que utilizam turbinas industriais a gás RB211, derivadas de aeronaves. Com o aprimoramento, esses usuários terão um aumento de potência de 10%, dependendo da temperatura ambiente e do tipo de motor da aeronave. O anúncio aconteceu durante o Simpósio de Turbomáquinas de 2012, em Houston, nos Estados Unidos.


O diretor de produção das RB211 da divisão de Energia da Rolls-Royce, Scott DeWolf, explicou a importância da atualização. “A RB211 é a turbina industrial a gás mais confiável e de fácil manutenção disponível no mercado. E a nova atualização RB211-Gzero oferece um aumento de potência de 10% que será fundamental para aumentar o desempenho e a rentabilidade do equipamento para os nossos clientes que atuam na geração de energia global e nos setores de petróleo e gás”, garante DeWolf.


Desenvolvido como um pacote modular para facilitar a manutenção, a atualização RB211-Gzero beneficiará, especificamente, operadores de uma frota mundial de mais de 440 variantes de geradores a gás RB211-C e RB211-G, que contam com turbinas energéticas RT-56 ou RT-62.


O aumento de potência resultadodo pacote RB211-Gzero é garantido durante a revisão de rotina das turbinas a gás, quando as unidades RB211 adequadas são reequipadas com um pacote modular que proporciona maior fluxo de ar no motor. Com isso, o aumento da capacidade energética, em condições ISO, é de 10% nos geradores RB211-G e de até 31% nos modelos RB211-C. Os valores dependem da configuração de cada pacote.


Esse simples reequipamento pede uma modificação mínima na turbina a gás já existente e também garante que a produção de petróleo e a facilidade do tempo de descanso na geração de energia sejam minimamente reduzidos.


Com cerca de 700 unidades vendidas, em um recorde de 30 milhões de horas de operação, a turbina a gás RB211 está disponível em uma escala de de 29 a 44 megawatts (MW) e fornece soluções ideais para atividades de geração de energia, petróleo e gás nos setores onshore e offshore.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar