acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Evento

Rio Pipeline comemora 20 anos

21/07/2015 | 10h57
Rio Pipeline comemora 20 anos
Agência Petrobras Agência Petrobras

 

Considerada o segundo maior evento do segmento de dutos no mundo, a Rio Pipeline Conference & Exposition comemora 20 anos em 2015. O encontro ocorre a cada dois anos e a 10ª edição será realizada entre os dias 22 e 24 de setembro, no Rio de Janeiro. Promovida pelo Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (IBP), a Rio Pipeline reunirá estudantes e profissionais para troca de experiências sobre novas tecnologias e melhores práticas de gestão no segmento.  
 
Este ano, o tema central do evento será o importante papel dos dutos submarinos no desenvolvimento do pré-sal. Para o gerente executivo de Abastecimento, Petroquímica e Biocombustíveis do IBP, Ernani Filgueiras, as descobertas brasileiras estão entre as mais importantes em todo o mundo na última década e colocam o país em uma posição estratégica frente à grande demanda de energia mundial. “Por isso, vislumbra-se um grande potencial de desenvolvimento de toda a cadeia produtiva, em particular, do segmento de dutos submarinos, que irá requerer novas tecnologias e soluções para expansão da malha”, explica. 
 
Ao longo de três dias, o participante da Rio Pipeline terá à sua disposição uma programação integrada composta por conferência, cursos, exposição e eventos paralelos. Um dos destaques da programação é o painel de abertura que trará um panorama atual da indústria de petróleo e gás, do qual participará o diretor presidente da PPSA, Oswaldo Pedrosa.
 
Além da abordagem para a área subsea, o evento manterá as tradicionais discussões do segmento onshore, enfocando assuntos ligados a projeto, construção e montagem, operação, inspeção e manutenção de dutos.  Outro tema de grande importância é a discussão de novos modelos de negócios para atração de investimentos de companhias privadas para construção de novos dutos de derivados no país.
 
Para os paineis, estão confirmadas as presenças de executivos e especialistas das principais empresas do setor, entre eles a gerente executiva de E&P Serviços da Petrobras, Cristina Pinho; o gerente geral de projetos das Américas da SHELL, Doug Peart; o presidente da Rosen, Hermann Rosen; o presidente da TDWilliamson, Dick Williamson, e outros.
 
O evento terá ainda uma exposição com as principais empresas do segmento, que vão apresentar novas tecnologias e serviços que serão aplicados na indústria de petróleo e gás no Brasil nos próximos anos.
 
"A Rio Pipeline surgiu em função dos grandes investimentos realizados no país na área de dutos terrestres. Ao longo dos seus 20 anos de história, o evento alcançou uma posição de destaque junto à comunidade internacional de dutos. Por isso, ele chega à sua 10ª edição consolidada como um catalisador de oportunidades de negócios, networking, intercâmbio de conhecimento e aprimoramento técnico dos profissionais e disseminação de boas práticas no segmento”, afirma Ernani Filgueiras.
 
Sempre realizado no Rio de Janeiro, este evento recebe, em média, mais de 200 visitantes e aproximadamente 1000 conferencistas de 20 diferentes países em suas edições.  As inscrições estão abertas através do site www.riopipeline.com.br

Considerada o segundo maior evento do segmento de dutos no mundo, a Rio Pipeline Conference & Exposition comemora 20 anos em 2015. O encontro ocorre a cada dois anos e a 10ª edição será realizada entre os dias 22 e 24 de setembro, no Rio de Janeiro. Promovida pelo Instituto Brasileiro de Petróleo, Gás e Biocombustíveis (IBP), a Rio Pipeline reunirá estudantes e profissionais para troca de experiências sobre novas tecnologias e melhores práticas de gestão no segmento.   

Este ano, o tema central do evento será o importante papel dos dutos submarinos no desenvolvimento do pré-sal. Para o gerente executivo de Abastecimento, Petroquímica e Biocombustíveis do IBP, Ernani Filgueiras, as descobertas brasileiras estão entre as mais importantes em todo o mundo na última década e colocam o país em uma posição estratégica frente à grande demanda de energia mundial. “Por isso, vislumbra-se um grande potencial de desenvolvimento de toda a cadeia produtiva, em particular, do segmento de dutos submarinos, que irá requerer novas tecnologias e soluções para expansão da malha”, explica.  

Ao longo de três dias, o participante da Rio Pipeline terá à sua disposição uma programação integrada composta por conferência, cursos, exposição e eventos paralelos. Um dos destaques da programação é o painel de abertura que trará um panorama atual da indústria de petróleo e gás, do qual participará o diretor presidente da PPSA, Oswaldo Pedrosa. Além da abordagem para a área subsea, o evento manterá as tradicionais discussões do segmento onshore, enfocando assuntos ligados a projeto, construção e montagem, operação, inspeção e manutenção de dutos.  

Outro tema de grande importância é a discussão de novos modelos de negócios para atração de investimentos de companhias privadas para construção de novos dutos de derivados no país. Para os paineis, estão confirmadas as presenças de executivos e especialistas das principais empresas do setor, entre eles a gerente executiva de E&P Serviços da Petrobras, Cristina Pinho; o gerente geral de projetos das Américas da Shell, Doug Peart; o presidente da Rosen, Hermann Rosen; o presidente da TDWilliamson, Dick Williamson, e outros. 

O evento terá ainda uma exposição com as principais empresas do segmento, que vão apresentar novas tecnologias e serviços que serão aplicados na indústria de petróleo e gás no Brasil nos próximos anos. "A Rio Pipeline surgiu em função dos grandes investimentos realizados no país na área de dutos terrestres. Ao longo dos seus 20 anos de história, o evento alcançou uma posição de destaque junto à comunidade internacional de dutos.

Por isso, ele chega à sua 10ª edição consolidada como um catalisador de oportunidades de negócios, networking, intercâmbio de conhecimento e aprimoramento técnico dos profissionais e disseminação de boas práticas no segmento”, afirma Ernani Filgueiras. Sempre realizado no Rio de Janeiro, este evento recebe, em média, mais de 200 visitantes e aproximadamente 1000 conferencistas de 20 diferentes países em suas edições.  

As inscrições estão abertas através do site www.riopipeline.com.br

 



Fonte: Redação/ Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar