acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Fecombustíveis

Revendas de combustíveis sobe em 2010 e fatura R$ 223 bi

27/05/2011 | 12h04
Revendas de combustíveis sobe em 2010 e fatura R$ 223 bi
Revendas de combustíveis sobe em 2010 e fatura R$ 223 ... Revendas de combustíveis sobe em 2010 e fatura R$ 223 ...
As revendas de combustíveis cresceram 8,4%, em 2010, e obtiveram um faturamento de R$ 223,1 bilhões, alta de 12% acima do resultado registrado em 2009, de R$ 199,3 bilhões. Os números foram divulgados ontem (26) pela Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e de Lubrificantes (Fecombustíveis) e constam no Relatório Anual da Revenda de Combustíveis 2011, divulgado pela federação. Para 2011, a Fecombustíveis espera um crescimento menos vigoroso no consumo de combustíveis no Brasil.


A publicação mostra ainda que a arrecadação de tributos pelo setor deu um salto de 11,65%, passando de R$ 57,5 bilhões em 2009 para R$ 64,2 bilhões no ano passado. O faturamento total do setor em 2010 correspondeu a 5,4% do Produto Interno Bruto (PIB) do país.


Para a Fecombustíveis, o corte orçamentário de R$ 51 bilhões e as medidas restritivas ao crédito deverão retrair o crescimento do setor este ano.


"Vai ser muito difícil os preços dos combustíveis voltarem ao patamar de 2010 se o consumo continuar crescendo. A estimativa é 3,6 milhões de novos veículos comercializados este ano, aumentando o consumo que não é acompanhado, no caso do etanol anidro e hidratado, pela produção", comentou o presidente da Fecombustíveis, Paulo Miranda Soares.


Segundo ele, o problema é que houve um crescimento de 11% na demanda de uma maneira geral. Além disso, Miranda ressaltou que ocorreu quebra da safra da cana-de-açúcar, em um momento que o mercado consumidor estava em franca expansão, principalmente com o aumento da classe média, e o mercado não conseguiu acompanhar este crescimento.


Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar