acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Energia Elétrica

Renova Energia vende ações no piso e obtém R$172,5 mi

09/07/2010 | 08h31
A Renova Energia, que produz energia elétrica a partir de pequenas centrais hidrelétricas e de usinas eólicas, está levantando 172,5 milhões de reais com sua Oferta Pública Inicial (IPO, na sigla em inglês).


De acordo com informações disponíveis no site da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), cada unit da Renova Energia, composta de uma ação ordinária e duas preferenciais, saiu a 15 reais, no piso da faixa de preço estimativa de 15 a 17 reais. A operação engloba 11,5 milhões de units.


A empresa retomou seu IPO em junho, depois de ter suspendido a operação em meio às condições adversas no mercado.


Originalmente, a Renova Energia pretendia captar até 867,9 milhões de reais, com a oferta inicial de quase 26 milhões de units e de lotes adicional e suplementar, ao preço máximo de 25 reais por cada papel.


Nas novas condições do IPO divulgadas ao mercado em 25 de junho, a Renova informou que tinha reduzido o volume de units e também o preço indicativo para os papéis.


De acordo com o prospecto da operação, o Santander se comprometeu a comprar units equivalentes a entre 58,6 milhões e 75 milhões de reais no lote inicial. O Fundo de Investimento em Participação Caixa Ambiental (FIP Ambiental) se dispôs a subscrever units representando um valor de 70 milhões de reais.


A garantia de compra era condicionada, entre outras coisas, à precificação da unit em 15 reais ou abaixo disso.


O coordenador-líder da oferta é o Santander. XP Investimentos e Bank of America Merrill Lynch também participam da operação.


Fonte: Agência Estado
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar