acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Produtos e serviços

Renner Sayerlack recebe novo sistema de iluminação

26/07/2016 | 13h19

A Renner Sayerlack finalizou, no mês de junho, a revitalização das instalações elétricas de oito divisões de sua fábrica de tintas e vernizes para madeira, situada em Cajamar (SP). Foram três anos de fornecimento, ao longo dos quais efetuou-se o retrofit de lâmpadas com tecnologia tradicional por Led’s da Golden. O projeto, conduzido pela Celena, permitirá à empresa economizar 66% no consumo de energia, o equivalente a 88.000W por mês, com uma economia anual de na conta de luz de R$ 580.000,00.

Até o momento 60% da indústria, com 30 mil m2 de área construída, utiliza a tecnologia LED. A estimativa é que no prazo de um ano toda a empresa já esteja usando tecnologia eficiente em iluminação.

Aplicabilidade

A primeira área beneficiada com o retrofit foi o depósito de estocagem de produto acabado, onde tinha a vapor metálico de 400W que foi substituída pela Highbay ECO 150W da Golden. Com isso, o local ganhou em beleza, além da economia de 67% no consumo de energia, pois a luminária Highbay tem um design moderno e inovador se comparado à luminária prismática antes utilizada. A mesma aplicação foi feita no laboratório de aplicação, onde a economia também foi estendida à redução do consumo de energia pelo ar condicionado, visto que o LED gera menos calor para o ambiente.

Em toda área administrativa, que engloba escritórios, restaurante e almoxarifado foram instaladas tubulares LED de 9W e 18W da Golden no lugar das tubulares fluorescentes de 20W e 40W, com 50% de economia. Além de ter em mente a economia de energia, a iniciativa buscou reduzir o custo de manutenção com a diminuição do número excessivo de trocas devido à durabilidade do LED de 25 mil horas. A empresa, que tem como prioridade a preocupação com a questão ambiental, vê no LED uma tecnologia de baixo impacto ambiental não só pela redução na quantidade de resíduos gerados em função de sua maior durabilidade, como pelo fato de o LED não conter matérias pesados em sua composição. Com isso, tão logo a Política Nacional de Resíduos Sólidos entre em funcionamento no Estado, a Sayerlack não terá de se preocupar com a logística reversa, pois o LED pode ser descartado no lixo comum sem o risco de contaminação do solo.

Corredores e o galpão de produção ganharam iluminação com lâmpadas HP Golden by Celena de 90W, no lugar da lâmpada de vapor metálico de 150W, que além do benefício de ter o reacendimento automático em caso de queda de tensão, garante o conforto térmico aos colaboradores da produção graças ao seu sistema de dissipador de calor. Enquanto a metálica joga luz e calor para frente, o LED joga luz para frente e calor para traz. Não foi preciso substituir as luminárias, pois a HP faz o encaixe no soquete E40 e como já vem com reator embutido, pode ser ligada diretamente na rede.

Também foram usadas a ULTRALED A60 de 10W da Golden nos banheiros, em substituição à eletrônica de 26W.



Fonte: Assessoria/Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar