acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Efeito estufa

Relatório da ONU aponta biocombustíveis como alternativa para combater o aquecimento global

04/05/2007 | 00h00

O relatório traz conclusões de especialistas de todo o mundo, inclusive de brasileiros sobre o aquecimento global, e também deve citar como uma das principais alternativas o uso do etanol, produzido a partir da cana-de-açúcar, como no Brasil.

A técnica em mudanças climáticas da WWF-Brasil, Karen Suassuna, afirma que reduzir a emissão desses gases é a única maneira a curto e a médio prazo de lidar com as mudanças climáticas. "Se a gente quer manter o aquecimento da Terra menor do que 2 graus Celsius, que é o que evitaria impactos extremos das mudanças do clima nas populações e nos ecossistemas em geral, a gente tem que diminuir as nossas emissões”.

Segundo Karen, a primeira e "mais importante" medida é a adoção de fontes de energia renováveis. Como exemplo, Suassuna cita o etanol, já usado no Brasil, o biodiesel (que o governo brasileiro começou a desenvolver), a energia eólica (produzida com a força do vento) e a solar.

O ponto central é diminuir a emissão dos gases que causam o efeito estufa e contribuem para o aquecimento global, intensificando a retirada desses gases da atmosfera em curto, médio e longo prazo.

O efeito estufa é um fenômeno que impede que o calor da Terra seja dissipado para o espaço, o que aumenta a temperatura da atmosfera. Ou seja, o efeito é causado por gases que ficam acumulados na atmosfera, impedindo a saída do ar quente, exatamente como ocorre em uma estufa de plantas.

Três pesquisadores fazem parte do grupo responsável pela elaboração do relatório. A terceira parte do documento se integra ao resultado dos dois primeiros grupos de trabalho, divulgados em fevereiro e abril deste ano. O relatório completo deve ser lançado até o fim de 2007.

Outro ponto que deve ser discutido é o desmatamento de florestas tropicais, como a Amazônia, como causa do aquecimento global. Suassuna apresenta pelo menos dois benefícios do combate ao desmatamento: conservar a biodiversidade e os recursos naturais e diminuir a emissão de gases do efeito estufa. “No caso do Brasil, esse tipo de emissão é muito relevante, em torno de 65% a 70% das emissões de gases brasileiros”, diz a pesquisadora.



Fonte: Agência Brasil
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar