acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Mão de obra

Refap e Senai firmam parceria para certificação de profissionais do setor petrolífero

17/11/2011 | 10h47
Refap e Senai firmam parceria para certificação de profissionais do setor petrolífero
Refap e Senai firmam parceria para certificação de profissionais do ... Refap e Senai firmam parceria para certificação de profissionais do ...
A Refap (Refinaria Alberto Pasqualini) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) assinaram, na manhã desta quarta-feira (16), convênio para implantação de laboratório para certificação de soldadores, a ser instalado no Senai, em Canoas (RS). A parceria foi consolidada com a presença do diretor-presidente da Refap, Roberto Nagao, e do diretor regional do Senai, José Zortea.

O laboratório contará com a supervisão e critérios da FBTS (Fundação Brasileira de Tecnologia da Soldagem). Para Nagao, a parceria chega para reverter o atual gargalo por mão de obra especializada existente no Estado. “Os cursos vão requalificar os trabalhadores, que passarão a atuar em outro patamar profissional”, destacou, lembrando que os técnicos formados poderão atuar nas obras de ampliação da refinaria, mas também no Polo Naval e em outras empresas da indústria do petróleo, gás natural, petroquímica e biocombustíveis, além de outros setores.

O diretor do Senai, José Zortea, salientou que a parceria é importante pelo aspecto social, propiciando a inclusão no mercado de trabalho de pessoas que não teriam condições de se capacitar, e também pela possibilidade de o Senai passar a atuar nos padrões de qualidade da Refap e das empresas do sistema Petrobras.

No primeiro momento, o convênio prevê a realização de cursos técnicos para a formação de 96 soldadores de tubulação, 48 caldeireiros, aplicação de processo de certificação Abraman para 98 caldeireiros, além da formação e aplicação de certificação para 40 inspetores de solda nível 1. Até o momento, a certificação que será fornecida através da parceria era obtida somente em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Bahia.

O Programa de Mobilização da Indústria Nacional de Petróleo e Gás Natural (Prominp) apoiará a parceria por meio de bolsas de estudos para os alunos desempregados, participantes dos cursos de formação de soldadores de tubulação e caldeireiros. O valor do investimento será superior a R$ 2 milhões.


Fonte: Agência Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar