acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Sustentabilidade

Projeto Ambientação da Toyota chega à região de Campinas (SP)

13/03/2018 | 11h26

Depois do sucesso na regional de Sorocaba, que aprendeu a metodologia exclusiva da Toyota para resolução de qualquer tipo de problema, chegou a vez de outras cidades do interior de São Paulo terem acesso ao projeto Ambientação. Na última sexta, dia 9, a Fundação Toyota do Brasil ministrou na Câmara Municipal de Vereadores de Campinas a primeira aula do Projeto Ambientação para os 51 participantes das 18 cidades como Artur Nogueira, Bom Jesus dos Perdões, Campinas, Cosmópolis, Hortolândia, Indaiatuba, Iracemápolis, Itatiba, Jaguariúna, Jundiaí, Nova Odessa, Paulínia, Pedreira, Morungaba, Santa Barbara d’Oeste, Valinhos, Várzea Paulista e Vinhedo.

O Toyota Business Practices (TBP), metodologia exclusiva da montadora usada no projeto, pulou os muros das fábricas há dez anos e tem beneficiado escolas, instituições públicas e diversas entidades de Indaiatuba e Sorocaba, no interior de São Paulo, e Guaíba, no Rio Grande do Sul, resolvendo qualquer tipo de problema por meio do projeto Ambientação, desenvolvido pela Fundação Toyota do Brasil.

A capacitação, que vai ocorrer de março a agosto deste ano, conta com quatro representantes de cada cidade das secretarias de Educação, Meio Ambiente, Administração ou Finanças e um com representante de uma ONG, associação de bairro ou universidade. “Dessa forma garantimos que toda sociedade seja contemplada, além dos funcionários públicos. Esse quarto integrante terá a oportunidade de passar nossos ensinamentos e experiências para uma parcela da sociedade que ainda não conhece o projeto”, ressalta Elaine Marques, coordenadora do projeto Ambientação.

A iniciativa, conhecida por estimular o uso consciente dos recursos naturais tais como água e energia, pode ser aplicada em qualquer área. “O que garante o resultado positivo é seguir o processo a risca independente da área onde o método será aplicado. Você pode obter um resultando tão satisfatório nos gastos do seu cartão de crédito, por exemplo”, afirma Elaine. Durante o curso, os alunos aprendem nas aulas semanais, aplicam durante a semana nas unidades em que atuam - geralmente em seus locais de trabalho - e voltam na semana seguinte para contar a experiência na sala de aula. “Se for necessário, corrigimos. Se estiver correto, já passamos para a próxima fase. Isso garante o processo de aprendizagem bem como a qualidade desse ensinamento. Não permitindo que possívei s erros prossigam durante o processo”, conclui.

Em agosto, os representantes de todas as cidades deverão apresentar seus resultados.

Região Metropolitana de Sorocaba

A Região Metropolitana de Sorocaba teve a sua primeira edição do Ambientação Regional em 2017. Durante o período, as reduções de água em prédios públicos chegaram em até 83% e com reduções dos gastos municipais de mais de 30 mil reais.

Em 2018, a segunda edição está programada para acontecer no segundo semestre, após da primeira edição do Ambientação Regional de Campinas. Assim como em 2017, serão abertas vagas para as 27 cidades que compõe a Regional Metropolitana de Sorocaba.

Sobre a Fundação Toyota do Brasil

Criada em abril de 2009, a Fundação Toyota do Brasil atua na preservação ambiental e formação de cidadãos. Além das novas iniciativas surgidas com a sua instituição, a Fundação Toyota do Brasil unificou e ampliou todos os projetos de responsabilidade social em andamento, que estavam sob a responsabilidade da montadora Toyota do Brasil.

Nacionalmente, além do Projeto Arara Azul, a Fundação Toyota do Brasil patrocina desde 2009 o Projeto Toyota APA Costa dos Corais, em parceria com a Fundação SOS Mata Atlântica e o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), do governo federal. O projeto prioriza a conservação dos recifes de corais e ecossistemas associados ao peixe-boi marinho em uma área de 413 mil hectares nos estados de Alagoas e Pernambuco.

Localmente, a entidade agrega ainda as ações sociais implantadas e mantidas nas comunidades onde a empresa possui unidades, como Indaiatuba (SP), Guaíba (RS), Porto Feliz (SP), Sorocaba (SP) e São Bernardo do Campo (SP). As iniciativas compreendem as áreas de educação, meio ambiente e cultura, e contam com o apoio dos colaboradores da empresa como voluntários.

Para mais informações, visite o site da Fundação Toyota do Brasil na internet www.fundacaotoyotadobrasil.org.br.



Fonte: Redação/Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar