acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Qualificação

Programa da Petrobras amplia apoio a instituições de ensino

25/04/2013 | 10h04
Programa da Petrobras amplia apoio a instituições de ensino
Agencia Petrobras Agencia Petrobras

 

O Programa Petrobras de Formação de Recursos Humanos (PFRH) acaba de inaugurar um novo ciclo de expansão com o objetivo de fomentar a formação de mão de obra para o setor de petróleo, gás e biocombustíveis. Os 15 novos convênios assinados formalizam a parceria 14 instituições de ensino para concessão de bolsas a estudantes e pesquisadores brasileiros interessados em atuar na atividade petrolífera.   
Com as novas parcerias, renovações e aditivos, a previsão é que o Programa conceda 17.254 bolsas de estudos, com investimentos da ordem de R$ 364 milhões.
Criado em 2010, o Programa pretende ajudar a reduzir o índice de evasão escolar, aumentar o número de profissionais qualificados no setor e melhorar a qualidade dos estudos desenvolvidos. O Programa Petrobras de Formação de Recursos Humanos prevê, ainda, atuar na destinação de recursos para a melhoria da infraestrutura das universidades e institutos federais de educação, na assinatura de periódicos, participação em congressos, aquisição de equipamentos e programas de computador, entre outras ações.
Os recursos destinados ao programa, realizado em conjunto com a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), têm origem na Participação Especial, como "Investimento em Pesquisa e Desenvolvimento", existente nos Contratos de Concessão para Exploração, Desenvolvimento e Produção de Petróleo e Gás Natural, estabelecidos entre a ANP e os concessionários.
Instituições de ensino
 
As instituições parceiras do Programa Petrobras de Formação de Recursos Humanos  são:
Nível técnico: IFES (Instituto Federal do Espírito Santo); Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro); Instituto Federal de Alagoas (Ifal).
Nível superior: Universidade Federal de Campina Grande (UFCG); Universidade Federal de Sergipe (UFS) / Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF); Universidade Federal da Bahia (UFBA); Universidade federal do Pará (UFPA); Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN); Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ); Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP); Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG); Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).
 
A Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Universidade Federal de Sergipe (UFS), Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e  Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) já tiveram os convênios autorizados pela ANP e assinarão os acordos com a Petrobras posteriormente.

O Programa Petrobras de Formação de Recursos Humanos (PFRH) acaba de inaugurar um novo ciclo de expansão com o objetivo de fomentar a formação de mão de obra para o setor de petróleo, gás e biocombustíveis. Os 15 novos convênios assinados formalizam a parceria 14 instituições de ensino para concessão de bolsas a estudantes e pesquisadores brasileiros interessados em atuar na atividade petrolífera.   


Com as novas parcerias, renovações e aditivos, a previsão é que o Programa conceda 17.254 bolsas de estudos, com investimentos da ordem de R$ 364 milhões.


Criado em 2010, o Programa pretende ajudar a reduzir o índice de evasão escolar, aumentar o número de profissionais qualificados no setor e melhorar a qualidade dos estudos desenvolvidos. O Programa Petrobras de Formação de Recursos Humanos prevê, ainda, atuar na destinação de recursos para a melhoria da infraestrutura das universidades e institutos federais de educação, na assinatura de periódicos, participação em congressos, aquisição de equipamentos e programas de computador, entre outras ações.

 


Os recursos destinados ao programa, realizado em conjunto com a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), têm origem na Participação Especial, como "Investimento em Pesquisa e Desenvolvimento", existente nos Contratos de Concessão para Exploração, Desenvolvimento e Produção de Petróleo e Gás Natural, estabelecidos entre a ANP e os concessionários.


Instituições de ensino 
As instituições parceiras do Programa Petrobras de Formação de Recursos Humanos  são:


Nível técnico: IFES (Instituto Federal do Espírito Santo); Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro); Instituto Federal de Alagoas (Ifal).


Nível superior: Universidade Federal de Campina Grande (UFCG); Universidade Federal de Sergipe (UFS) / Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF); Universidade Federal da Bahia (UFBA); Universidade federal do Pará (UFPA); Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN); Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ); Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP); Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG); Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). A Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Universidade Federal de Sergipe (UFS), Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) e  Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) já tiveram os convênios autorizados pela ANP e assinarão os acordos com a Petrobras posteriormente.



Fonte: Agência Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar