acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Preços do Petróleo

Produção dos membros da Opep sobe e o preço do petróleo cai

05/07/2017 | 16h51

Com a Rússia não aceitando cortes de produção mais profundos, o petróleo bruto caiu hoje, terminando um ritmo de alta que começou em 22 de junho. Os compradores ainda estavam preocupados com o excesso de oferta no mercado. A produção do petróleo da Opep cresceu, apesar do cumprimento relativamente elevado de membros que concordaram em cortar sua produção.

O problema, no entanto, foi que os países que estavam isentos de cortes de produção, como a Nigéria e a Líbia, bombeiam o petróleo suficiente para compensar os cortes. Sem cortes mais profundos, é pouco provável que a Opep alcance seu objetivo de reequilibrar o mercado. No entanto, a Rússia, o maior produtor não-Opep que se juntou ao acordo de redução de produção, foi contra a ideia de cortes mais profundos.

O relatório da EIA geralmente é divulgado na quarta-feira, foi adiado devido ao feriado do Dia da Independência nos EUA. Os analistas prever que o documento mostrará uma diminuição de 2,4 milhões de barris.

Os futuros de agosto para a entrega de petróleo bruto WTI caíram 1,23% para US$ 46,49 por barril a partir de 9:57 GMT na NYMEX hoje. O Brent de setembro diminuiu 1,13% para US$ 49,05 por barril no ICE.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar