acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Vazamento

Prejuízo da Petrobras será proporcional à sua fatia no Frade, diz Lobão

25/11/2011 | 10h48
O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, disse nesta quinta-feira (24) que o prejuízo da Petrobras com a desativação do poço em que ocorreu o vazamento de óleo, na Bacia de Campos (RJ), será proporcional à sua participação de 30% no consórcio formado para explorar o Campo de Frade.

Lobão alegou que ainda não sabia se a Petrobras deverá arcar, na mesma proporção, com parte das multas que a Chevron irá receber ao ser responsabilizada pelo vazamento. As sanções serão aplicadas nominalmente pelo Ibama e pelo ANP à companhia americana, que é empresa operadora.

A declaração do ministro foi dada após se reunir com o presidente da Chevron para África e América Latina, Ali Moshiri.


Fonte: Valor Online
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar