acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Internacional

Preços de petróleo recuam de máximas em 4 anos pressionados

05/10/2018 | 09h01

Os preços do petróleo caíram nesta quinta-feira, com as expectativas de uma maior produção da Arábia Saudita e da Rússia incitando realização de lucros, um dia depois dos futuros da commodity terem atingido máximas em quatro anos, impulsionadas pelas iminentes sanções norte-americanas sobre o Irã, terceiro maior produtor da Opep.

Os futuros do petróleo Brent recuaram 1,71 dólar, ou 1,98 por cento, a 84,58 dólares por barril. Na quarta-feira, o Brent avançou para uma máxima desde o fim de 2014 de 86,74 dólares.

O petróleo dos EUA (WTI) perdeu 2,08 dólares, ou 2,72 por cento, a 74,33 dólares o barril.

Participantes do mercado realizaram lucros depois que o Brent subiu para o maior nível de sobrecompra desde fevereiro de 2012 e o WTI para o maior nível desde janeiro. Os índices de força relativa das duas referências tiveram alta de mais de 70 nesta semana, um nível que muitas vezes indica que o mercado cresceu demais.

Nesta quinta-feira, o índice dos dois contratos recuou para menos de 70.

Pressionando os preços do óleo, os índices acionários dos EUA caíram amplamente, com o S&P 500 rumando para sua maior queda diária desde o fim de junho. Algumas vezes os futuros do petróleo acompanham os mercados acionários.



Fonte: Reuters, 05/10/2018
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar