acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Energia

Preço da eólica em leilão de A-3 tira competitividade do gás

14/02/2012 | 10h57
A presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, afirmou que, aos preços do último leilão de A-3, as termelétricas a gás não poderão competir com o patamar obtido pelas concorrentes de fontes eólicas. "Aos preços do megawatt para a eólica, não temos competitividade com o gás", afirmou.

A executiva disse que a disponibilidade de gás natural para o próximo leilão de A-3 vai depender da concessão de uma licença prévia para o quarto terminal de regaseificação de gás natural liquefeito. Segundo ela, a expectativa é de que seja possível conseguir a licença até novembro, o que permitiria a oferta de gás a partir de dezembro.

Além disso, a disponibilidade de gás também estará, segundo Graça, ligada à oferta de gás produzido pela própria companhia nos campos sob sua concessão.


Fonte: Valor Econômico
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar