acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Rio Oil & Gas 2014

Plataformas interativas e equipamentos de ponta atraem público da Rio Oil & Gas

16/09/2014 | 23h13

Nos quatro pavilhões de exposição da Rio Oil & Gas 2014 é possível encontrar todo tipo de atração e produtos. Cada empresa inventou sua forma de atrair os profissionais da indústria para que conheçam serviços e tecnologias, mas os estandes não estão focados apenas em negócios e trouxeram curiosidades para o evento.

 

A BG Brasil, por exemplo, que comemora 20 anos de atuação no país, trouxe uma ferramenta interativa para aproximar os visitantes ao universo do petróleo. A máquina “De olho no Petróleo” mostra a porcentagem do produto utilizada em diversos objetos do cotidiano, como batom, comprimidos de aspirina, giz de cera e chiclete. Além da porcentagem, a ferramenta explica em qual parte do produto está o petróleo – como no caso do batom, que está na base – e qual a fórmula utilizada.

 

No mesmo pavilhão, há diversas atrações, com destaque para o estande da Total com a réplica de um carro de Fórmula 1 e um simulador de pista de corrida. Produtos utilizados na cadeia de exploração e produção também chamam a atenção na feira. No espaço da Mills SI, o equipamento que se destaca é o Habitáculo Pressurizado, que tem o formato semelhante a de um brinquedo pula-pula, e a função de isolar trabalhos com fogos e faíscas em áreas de riscos de explosão. “Com este equipamento, evitamos acidentes como queimaduras, por exemplo. A pressão positiva no interior impede que o ar externo entre e fique em contato com a fonte de ignição”, explicou Bernardo Miller, gerente de contratos da empresa. Já foram comercializados mais de 25 modelos no país.

 

O navegador brasileiro Amyr Klink também esteve no evento, na tarde de terça-feira (16). Klink participou de breve conversa no estande da Cordoaria São Leopoldo (CSL) e elogiou a exposição e a iniciativa de organizar um evento deste porte no país.

 

Klink contou que acompanha a feira desde a primeira edição, pois é um grande entusiasta dos assuntos ligados ao mar: “Vi empresas, como a CSL, que eram pequenas na primeira edição do evento e, hoje, possuem seus estandes, o que mostra o desenvolvimento deste mercado no país”.

 

 

 

Assessoria de Imprensa Rio Oil&Gas Expo and Conference



Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar