acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Cotação

Petróleo opera em baixa à espera de Bernanke

22/05/2013 | 09h39

 

Os contratos futuros de petróleo operam em baixa nesta manhã, com o brent tendo chegado a cair abaixo de US$ 103 mais cedo na sessão, enquanto os investidores aguardam o depoimento do presidente do Federal Reserve, Ben Bernanke, e os dados semanais sobre os estoques de petróleo dos EUA. Às 7h55 (de Brasília), o petróleo para julho negociado na Nymex recuava 0,53%, para US$ 95,67 por barril. Na plataforma ICE, o brent para julho tinha queda de 0,59%, para US$ 103,30 por barril, após atingir a mínima intraday de US$ 102,92 por barril.
Os participantes de mercado ficarão de olho em Bernanke, que a partir das 11h (de Brasília) falará sobre a perspectiva econômica dos EUA no Comitê Econômico Conjunto do Congresso norte-americano. O depoimento do presidente do BC dos EUA atrai ainda mais atenção num momento em que se discute se e quando o Fed pode começar a desfazer sua política de estímulos. Mais tarde, às 15h, o Fed divulga a ata de sua última reunião de política monetária, realizada em 30 de abril e 1º de maio.
Além disso, o Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) divulga, às 11h30 (também de Brasília), os últimos dados sobre os estoques de petróleo dos EUA. Analistas estimam uma queda de 600 mil barris no nível de estoques da semana passada. Por outro lado, a desvalorização do dólar ante o euro dá algum suporte aos contratos, que são cotados na moeda norte-americana. 

Os contratos futuros de petróleo operam em baixa nesta manhã, com o brent tendo chegado a cair abaixo de US$ 103 mais cedo na sessão, enquanto os investidores aguardam o depoimento do presidente do Federal Reserve, Ben Bernanke, e os dados semanais sobre os estoques de petróleo dos EUA. Às 7h55 (de Brasília), o petróleo para julho negociado na Nymex recuava 0,53%, para US$ 95,67 por barril. Na plataforma ICE, o brent para julho tinha queda de 0,59%, para US$ 103,30 por barril, após atingir a mínima intraday de US$ 102,92 por barril.

 

Os participantes de mercado ficarão de olho em Bernanke, que a partir das 11h (de Brasília) falará sobre a perspectiva econômica dos EUA no Comitê Econômico Conjunto do Congresso norte-americano. O depoimento do presidente do BC dos EUA atrai ainda mais atenção num momento em que se discute se e quando o Fed pode começar a desfazer sua política de estímulos. Mais tarde, às 15h, o Fed divulga a ata de sua última reunião de política monetária, realizada em 30 de abril e 1º de maio.


Além disso, o Departamento de Energia (DoE, na sigla em inglês) divulga, às 11h30 (também de Brasília), os últimos dados sobre os estoques de petróleo dos EUA. Analistas estimam uma queda de 600 mil barris no nível de estoques da semana passada. Por outro lado, a desvalorização do dólar ante o euro dá algum suporte aos contratos, que são cotados na moeda norte-americana. 

 



Fonte: Revista TN Petróleo, Redação com agências
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar