acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Bolsa

Petróleo em queda fortalece bolsas nos EUA

05/04/2006 | 00h00

As bolsas de valores dos Estados Unidos fecharam em alta, ontem, impulsionadas pelas ações da 3M e pela queda do preço do petróleo. A 3M divulgou planos que podem resultar na venda de sua unidade farmacêutica. Suas ações registraram valorização de 1,53%.

O preço do petróleo caiu mais de US$ 1 por barril, refletindo a expectativa de aumento dos estoques americanos. O Dow Jones fechou em alta de 0,53%, aos 11.203 pontos, e o Standard & Poor`s 500 subiu 0,63%, para 1.305 pontos. O Nasdaq avançou 0,37%, para 2.345 pontos.

Outros destaques de alta foram Citigroup e JPMorgan Chase, que avançaram 1,69% e 1,64%, respectivamente, depois que analistas da Merrill Lynch elevaram as estimativas de lucro do primeiro trimestre.

As bolsas de valores européias fecharam em queda, contidas pelo enfraquecimento das ações de companhias petrolíferas. Os investidores também esperavam o início da temporada de balanços trimestrais para verificar se o rali de quase 8% nas ações desde janeiro é justificável.

O tema fusões e aquisições continuou a dar suporte a papéis específicos, como os da empresa britânica de serviços públicos TSevern Trent, os do grupo siderúrgico belga Bekaert e o banco alemão Depfa Bank. Os papéis da Arcelor influenciaram na queda com um recuo de 0,88%, devido às notícias de que a empresa distribuiria ? 5 bilhões aos acionistas em um movimento de resistência à proposta de compra de US$ 25,1 bilhões feita pela rival Mittal Steel .

Os investidores se mostraram levemente cautelosos antes da nova temporada de lucros, que começa na semana que vem nos EUA, com os resultados da Alcoa e na terceira semana de abril, na Europa, com Nokia e SAP.

As ações de energia apresentaram as maiores perdas da sessão, em meio à queda de quase US$ 1 no preço do barril de petróleo nos EUA, provocada por vendas visando a realização de lucros. Os papéis da BP perderam 1,5%.

Em Londres, o Financial Times caiu 0,33%, para 6.004 pontos. Em Frankfurt, o DAX perdeu 0,17%. Em Paris, o índice CAC-40 recuou 0,94%.



Fonte: Valor Econômico /ag
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar