acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Gas Summit

Petrobras vai investir US$ 17,6 bilhões na exploração e produção de gás natural até 2011

22/05/2007 | 00h00

Segundo Gabrielli, várias ações estão previstas para superar os principais desafios da companhia na oferta de gás natural no Brasil. Um deles é o desenvolvimento de gás não-associado, já que 75% da produção atual é de gás associado. Nos próximos anos, deverão entrar em produção 11 novos campos de gás não-associado, informou o presidente da Petrobras.
 
Para garantir o suprimento de gás e o desenvolvimento da infra-estrutura necessária para o mercado brasileiro, a Petrobras vai investir no segmento de exploração e produção, voltado para a cadeia de gás, US$ 11 bilhões e na ampliação da malha de gasodutos, US$ 6,5 bilhões, até 2011.
 
Entre os principais projetos da companhia estão o GNL - Gás Natural Liquefeito (Rio de Janeiro e Ceará); Gasene (Gasoduto Sudeste-Nordeste); Gasoduto Urucu-Coari- Manaus, manutenção da infra-estrutura de transporte de gás natural, Malha de Gás do Sudeste, ampliação do Gasbel (Rio - Belo Horizonte), ampliação do trecho sul do Gasbol (Bolívia -Brasil) e construção da Malha de Gasodutos do Nordeste.
 
Segundo Gabrielli, até 2008 haverá um aumento de 24, 5 milhões de m3/dia na oferta de Gás Natural do Sudeste, totalizando 40 milhões de m3/dia. O presidente da Petrobras informou ainda que a demanda máxima de gás natural do país, para 2011, está estimada em 121 milhões de m3 por dia, a ser atendida pela produção nacional (71 milhões de m3/dia), importação da Bolívia (30 milhões de m3/dia) e GNL (20 milhões de m3/dia).



Fonte: Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar