acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Álcool

Petrobras vai exportar álcool para Ásia

16/09/2004 | 00h00

A exportação de álcool combustível para o Japão foi um dos motivos da visita do primeiro ministro japonês ao Brasil e a Petrobras poderá participar do negócio como `trader`. A informação foi passada pelo diretor de Abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, durante a inauguração do novo centro de realidade virtual (CEAD), nesta quinta-feira (16/09). O diretor destacou, entretanto, que a negociação está sendo decidida no âmbito ministerial dos dois países.
O executivo explicou que o modelo para viabilizar a exportação seria a assinatura de contrato de compra entre a Petrobras e os usineiros, de forma que eles se comprometessem com a produção e a estatal com o transporte. Segundo o executivo, apesar da necessidade de contratação de novos navios, o negócio ainda parece rentável, tanto para a Petrobras quanto para os usineiros, "mas o processo ainda está em avaliação", ressaltou. 
Na Ásia, China, Índia e Coréia já mostraram interesse em adicionar álcool à gasolina para reduzir a poluição. Na China, quatro províncias disputam a central petroleira que a Petrobras pretende instalar para receber o óleo combustível e o álcool exportado do País.
Na avaliação de Roberto Costa, os entraves para o negócio são a adaptação tecnológica dos motores asiáticos ao combustível com maior teor de álcool, o que poderá adiar o projeto para os próximos anos.



Fonte:
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar