acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Investimento

Petrobras e IFRN inauguram Centro de Treinamento de Trabalho em Altura

17/12/2009 | 08h59

A Petrobras, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) e a Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do Rio Grande do Norte (Funcern) inauguraram, nesta quarta-feira (16/12), o Centro de Treinamento de Trabalho em Altura (CTTA), instalado no campus de Mossoró (RN) do IFRN. A Petrobras investiu cerca de R$ 230 mil no equipamento, que é o primeiro instalado em instituição brasileira de ensino.

 

O CTTA será usado prioritariamente para capacitar torristas e profissionais que trabalham em sondas de perfuração ou de intervenção em poços de petróleo. Destina-se também a treinamento em altura no resgate em caso emergência. No futuro, poderá ser empregado no treinamento de eletricistas e mecânicos de sonda, profissionais que também precisam desenvolver suas atividades em alturas elevadas.

 

O Centro de Treinamento de Trabalho em Altura (CTTA) é o segundo equipamento a ser instalado no IFRN. No local, já existe o Centro Móvel de Treinamento (CMT), inaugurado em 2008 por meio de um convênio com os mesmos parceiros. O CMT é composto por uma mini-sonda, estrutura com mastro de 9 metros de altura, similar ao de uma sonda de perfuração terrestre. Os alunos trabalham com equipamentos e ferramentas reais, onde podem praticar os processos realizados numa sonda normal. Até novembro, 574 profissionais já se formaram no CMT. Com os 72 que estão em curso em dezembro e os que farão o treinamento no próximo ano, deverão ser capacitados cerca de 1200 profissionais, ao fim de 2010.

 

Os dois Centros de Treinamento instalados no IFRN – Mossoró ajudam a suprir a lacuna existente atualmente no Estado no que tange ao treinamento prático para a formação de profissionais desta área.



Fonte: Agência Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar