acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Negócios

Petrobras define nesta semana se compra fatia da Vale em exploração

28/08/2012 | 15h49

 

A Petrobras afirmou na segunda-feira (27) que deve concluir nesta semana a avaliação de blocos de exploração que tem em conjunto com a Vale, para decidir se compra ou não a fatia da mineradora nestes ativos.
A maior produtora de minério de ferro, por outro lado, também está calculando o valor das participações para saber se deve ou não vendê-las, segundo uma porta-voz da companhia.
A Petrobras e a Vale dividem 14 blocos de petróleo e gás nas bacias do Espírito Santo, Pará-Maranhão, Parnaíba e Santos. No ano passado, a mineradora afirmou que estava considerando a venda das fatias.
O objetivo da companhia comandada por Murilo Ferreira é concentrar seus recursos em projetos mais próximos de seu foco de atuação, que é exatamente o minério de ferro. Caso a venda seja decidida, a estatal tem a preferência para comprar ou não os ativos.
Por e-mail, a Petrobras informou que está realizando um “estudo de avaliação econômica destes ativos” para, depois, “saber se vai ou não exercer o direito de compra sobre eles”. O relatório deve estar pronto até o fim deste mês.
Vânia Somavilla, diretora de recursos humanos, energia e sustentabilidade da Vale, disse em 26 de junho que a empresa estava considerando manter alguns negócios que possuía em gás natural para produzir o combustível que necessitava às operações.

A Petrobras afirmou na segunda-feira (27) que deve concluir nesta semana a avaliação de blocos de exploração que tem em conjunto com a Vale, para decidir se compra ou não a fatia da mineradora nestes ativos.


A maior produtora de minério de ferro, por outro lado, também está calculando o valor das participações para saber se deve ou não vendê-las, segundo uma porta-voz da companhia.


A Petrobras e a Vale dividem 14 blocos de petróleo e gás nas bacias do Espírito Santo, Pará-Maranhão, Parnaíba e Santos. No ano passado, a mineradora afirmou que estava considerando a venda das fatias.


O objetivo da companhia comandada por Murilo Ferreira é concentrar seus recursos em projetos mais próximos de seu foco de atuação, que é exatamente o minério de ferro. Caso a venda seja decidida, a estatal tem a preferência para comprar ou não os ativos.


Por e-mail, a Petrobras informou que está realizando um “estudo de avaliação econômica destes ativos” para, depois, “saber se vai ou não exercer o direito de compra sobre eles”. O relatório deve estar pronto até o fim deste mês.


Vânia Somavilla, diretora de recursos humanos, energia e sustentabilidade da Vale, disse em 26 de junho que a empresa estava considerando manter alguns negócios que possuía em gás natural para produzir o combustível que necessitava às operações.

 



Fonte: Valor Econômico
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar