acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Resultado

Petrobras bate recordes de vendas de Gasolina e QAV

12/01/2011 | 13h57
Petrobras bate recordes de vendas de Gasolina e QAV
Petrobras bate recordes de vendas de Gasolina e QAV Petrobras bate recordes de vendas de Gasolina e QAV
A Petrobras registrou, no mês de dezembro de 2010, recordes históricos de vendas de gasolina e querosene de aviação (QAV). O volume de gasolina comercializado no último mês do ano totalizou 1 milhão 966 mil m3 (12 milhões 366 mil barris/mês ou 399 mil barris/dia) o que marcou mais um recorde histórico, superando em 50 mil m3 (314 mil barris) o recorde anterior, de março de 2010, quando o percentual de álcool anidro adicionado na gasolina estava reduzido de 25% para 20%.

 
Contribuíram para este resultado a sazonalidade típica do mês e a alta nos preços do etanol hidratado desde meados de junho, que tornou a gasolina o combustível de preferência para proprietários de veículos flex-fuel na grande maioria dos estados brasileiros.

 
No ano de 2010, houve um aumento de 17,8% nas vendas de gasolina pela Petrobras em relação a 2009, reforçando a relevância do papel da Companhia como principal fornecedor de combustíveis para a frota de veículos.

 
As perspectivas para os próximos meses apontam para uma manutenção do aquecimento nas vendas, em função da maior frota de veículos leves incorporadas ao longo de 2010 no mercado brasileiro (venda de 3,3 milhões de veículos) e da entressafra da cana-de-açúcar.

 
As vendas de QAV pela Petrobras no último mês de dezembro totalizaram o volume de 585.450 m³ (119 mil barris/dia). Este volume representa um aumento de 4,9% em relação ao recorde anterior, registrado no mês de julho de 2010, cuja marca foi de 557.860 m³ (117 mil barris/dia).

 
No ano de 2010, houve um aumento de 16,6% no mercado nacional de QAV em relação a 2009, reflexo do crescimento da economia nacional. O mercado de aviação continua aquecido fazendo com que as vendas desse derivado continuem elevadas.


Fonte: Agência Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar