acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
OTC Houston 2017

Pedro Parente destaca melhoria dos indicadores de segurança e financeiro da Petrobras na OTC

02/05/2017 | 18h11
Pedro Parente destaca melhoria dos indicadores de segurança e financeiro da Petrobras na OTC
Pedro Parente destaca melhoria dos indicadores de segurança e financeiro ... Pedro Parente destaca melhoria dos indicadores de segurança e financeiro ...

O presidente da Petrobras, Pedro Parente, apresentou nesta terça-feira, 2/5, a palestra “Oportunidades da Petrobras em um novo cenário de petróleo e gás”, durante a Offshore Technology Conference (OTC) em Houston (EUA). Ele destacou a progressiva recuperação financeira da companhia após a implementação do Plano Estratégico e de Negócios 2017-2021. A OTC é o maior evento mundial dedicado às atividades de exploração e produção no mar.

“Saímos de um endividamento extremamente elevado, de mais de cinco vezes a nossa geração de caixa, para 3,5x em 2016. Ainda é uma dívida alta, por isso nosso esforço em alcançar a meta de 2,5 para 2018 de acordo com o nosso PNG”, disse Parente. O executivo apresentou ainda a redução da Taxa de Acidentados Registráveis (TAR), que caiu de 2,2 em 2015 para 1,6 em 2016. 

Além de traçar um panorama desde a sua chegada à Petrobras, em maio passado, o executivo abordou as perspectivas da companhia, que vem adotando um programa robusto de parcerias. “Estamos adotando uma nova estratégia, criando oportunidades tanto para operadores da indústria como fornecedores, além de ampliar as parcerias com universidades e instituições de pesquisa”, apontou Parente. De acordo com o executivo, os acordos possibilitam o desenvolvimento tecnológico de ponta com custos menores e maior crescimento da produção. 

O executivo informou que a Petrobras deve apresentar uma nova carteira de desinvestimentos em breve. Parente reafirmou a meta de US$ 21 bilhões em desinvestimentos e parcerias em 2017 e 2018. 

“Nossas iniciativas seguem em direção ao aumento da eficiência e da competitividade da companhia no mercado global de petróleo e gás”, finalizou o executivo.

 

 



Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar