acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Internacional

PDVSA, JBIC e empresas japonesas assinam acordo de crédito de US$ 3,5 bilhões

26/02/2007 | 00h00

A estatal venezuelana do petróleo, PDVSA, o Banco Japonês para a Cooperação Internacional (JBIC - sigla em inglês) e as empresas Marubeni e Mitsui assinaram um acordo de crédito de US$ 3,5 bilhões. Os recursos serão utilizados no Plan Siembra Petrolera, que define as diretrizes da política energética venezuelana até 2030. Segundo o acordo, o montante poderá ser pago em até 15 anos.

De acordo com a informação publicada pela empresa venezuelana em sua página web, o acordo foi assinado no âmbito do programa de recursos naturais e abastecimento de petróleo e produtos refinados do JBIC e será referendado na próxima quarta-feira (28/02), em Tóquio.

"A ação permitirá fortalecer a relação comercial e estratégica com o Japão, em linha com a estratégia de mercado da PDVSA.(...) Igualmente, esta facilidade de crédito contribuirá a diversificar as fontes de financeiamento da corporação venezuelana", se lê no comunicado.

O JBIC aportará o 54% os fundos, enquanto que um grupo de bancos japoneses fornecerá 36% e as empresas Marubeni e Mitsui os 10% restantes.

A empresa ressalta que o convênio com o JBIC cria bases para a utilização do mesmo sistema no desenvolvimento de outros projetos de investimento do Plano Siembra Petrolera, assim como pavimenta a estrutura para a utilização de bens e serviços japoneses, além de tecnologia nipônica no plano.

"O JBIC é um entidade financeira que fomenta a exportação de bens e serviços japoneses e a importação de insumos estratégicos para o Japão. Vale destacar que este país insular é o terceiro consumidor mundial de energia, depois dos Estados Unidos e China", destaca a PDVSA.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar