acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Bioenergia

Parceria UDOP e Esalq/USP deve fomentar e dar maior divulgação às pesquisas voltadas para o setor

28/11/2017 | 14h41

A UDOP e a Esalq - Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, da USP - Universidade de São Paulo, campus de Piracicaba, firmaram no último dia 22 uma importante parceria. A assinatura do protocolo de intenções ocorreu durante assembleia de diretoria da UDOP que ocorreu no painel/debate "RenovaBio: O ar que queremos respirar em 2030", no 10º Congresso Nacional da Bioenergia, realizado em Araçatuba/SP.

Assinaram o protocolo o presidente da UDOP, Celso Torquato Junqueira Franco, o professor Antonio Sampaio Batista, do Departamento de Agroindústria, Alimentos e Nutrição da USP/Esalq, que no ato representou o diretor da Esalq, professor doutor Luiz Gustavo Nussio. O secretário de Agricultura de São Paulo, Arnaldo Jardim também participou da solenidade de assinatura da parceria.

Com a assinatura do convênio a UDOP e a Esalq/USP passarão a estreitar seus laços visando o relacionamento institucional, o fomento e a divulgação de estudos e projetos ligados ao setor bioenergético. "Hoje muitas pesquisas são desenvolvidas pela Esalq envolvendo toda a cadeia da cana-de-açúcar, com esta parceria queremos tornar estas pesquisas e seus resultados mais acessíveis a todas as usinas. Além de trabalharmos em conjunto na prospecção de mais estudos envolvendo nosso setor", destacou o presidente Celso.

Convênio IEA

Na mesma assembleia foi assinado um termo de renovação de parceria entre a UDOP e o Instituto de Economia Agrícola (IEA), visando a cooperação técnica e intercâmbio de conhecimento no negócio cana. Além do presidente da UDOP e do secretário Arnaldo Jardim, a renovação do convênio foi assinada pela assessora técnica de direção do IEA, Marli Dias Mascarenhas Oliveira, que anunciou aos presentes uma nova versão do Manual de Custos e Indicadores do Setor da Bioenergia que deve ser entregue nos próximos dias, fruto da parceria firmada entre as entidades.

Em seu pronunciamento oficial, o secretário Arnaldo Jardim destacou a importância dessa parceria. "Hoje o setor busca ganhar mais e mais competividade, com redução de custos e aumento de produtividade. O Manual de Custos e Indicadores do Setor da Bioenergia é ferramenta de fundamental importância para esta meta perseguida pelas usinas", destacou o secretário.

Assembleia UDOP aprova admissão de mais duas associadas

Ainda durante a assembleia, foi aprovada a admissão de mais duas unidades associadas ao quadro de unidades da UDOP. As Unidades Santa Luiza e Eldorado, do grupo Odebrecht Agroindustrial passam, agora, a ser novas associadas da UDOP. Com a admissão destas duas unidades da Odebrecht Agroindustrial, o grupo completa 100% de suas usinas sócias da UDOP.

O presidente da UDOP, Celso Torquato Junqueira Franco destacou que a admissão de novas unidades ao quadro da entidade mostra que a mesma tem desempenhado seu papel junto a representação dos interesses de suas associadas e na defesa do setor da bioenergia. "Aumentamos ainda mais nossa responsabilidade de continuar trabalhando diuturnamente na defesa do setor, como agora, junto ao Congresso Nacional, na aprovação urgente do RenovaBio, programa que deve significar um novo horizonte para nosso segmento", finalizou Celso Junqueira.

 



Fonte: Redação/Assessoria UDOP
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar