acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Evento

Parceria no setor de energia entre Reino Unido e Brasil é celebrada

12/03/2015 | 12h02
Parceria no setor de energia entre Reino Unido e Brasil é celebrada
Divulgação Lucas Landau Divulgação Lucas Landau

A missão britânica no Brasil recebeu brasileiros e britânicos para o coquetel UK & Brazil: Partners in Energy (10 de março), no Iate Clube do Rio de Janeiro. O evento celebrou a parceria entre os dois países no setor de energia e aproveitou para comemorar os 450 anos do Rio de Janeiro.

 

O sucesso da relação do Reino Unido com o Brasil se deve a um envolvimento integral no setor que vai além da parceria comercial. O Reino Unido tem uma tradição de pesquisa e desenvolvimento de tecnologia de ponta, cada vez mais compartilhada com o Brasil. Neste ano, o Reino Unido vai receber 11 mil estudantes brasileiros pelo programa Ciências Sem Fronteiras, muitos deles ligados ao setor de Óleo e Gás.

 

O embaixador do Reino Unido, Alex Ellis, que recebeu cerca de 300 convidados, demonstra confiança na relação entre os dois países. “As similaridades entre o Brasil e o Reino Unido são muito grandes. A experiência de exploração e produção por mais de 50 anos no Mar do Norte levaram a indústria britânica a desenvolver uma forte cadeia de fornecedores que muito pode contribuir para os investimentos no Brasil em águas profundas, mais especificamente no pré-sal. Temos diversos contratos novos e prospecções em andamento. O Brasil é um parceiro prioritário para o Reino Unido no setor de energia”, avalia.

 

A parceria entre os dois países no setor, apenas com o auxílio do Governo Britânico, gerou aproximadamente R$ 7 bilhões nos últimos dois anos, com mais de 120 empresas atuando no país. Nos últimos três anos, 25 missões comerciais foram organizadas entre os dois países.

 

O Rio de Janeiro é uma importante referência para o setor britânico de energia. As empresas mais bem sucedidas têm suas sedes na capital fluminense, como a Shell, a BP e a BG – um dos maiores investidores privados no Brasil. Os intercâmbios comerciais são realizados em fluxo contínuo e intenso. Já neste ano, uma missão com representantes de sete empresas brasileiras de tecnologia submarina de óleo e gás, além da Shell Brasil, o Governo do Rio, ONIP, Rio Negócios e Federação das Indústrias do Rio Grande do Sul estiveram em Aberdeen e Newcastle para participar da feira Subsea Expo e cumprir uma agenda de visitas técnicas a lugares estratégicos para o setor.

Para comemorar o aniversário do Rio, o Governo Britânico no Brasil estilizou a marca criada pela prefeitura para os 450 anos da cidade com a representação de um guarda real do Palácio de Buckingham, um dos símbolos mais conhecidos do Reino Unido. O evento contou também houve uma exposição de fotos históricas retratando as principais contribuições dos britânicos na cidade, como o Cais do Porto do Rio e o Gasômetro de São Cristóvão, além de construções inspiradas na arquitetura industrial britânica, como o Moinho Fluminense e Antiga Fábrica de Gás.

 



Fonte: Redação/Assessoria UKTI
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar