acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
PD&I

Parceria do Parque Tecnológico da UFRJ amplia capacidade de interação com a indústria

16/01/2017 | 10h42
Parceria do Parque Tecnológico da UFRJ amplia capacidade de interação com a indústria
Divulgação Divulgação

A promoção da inovação no estado do Rio ganha novo impulso com a parceria firmada entre o Parque Tecnológico da UFRJ, o Parque Científico e Tecnológico da PUC-RS (Tecnopuc) e o Porto Digital, de Recife. Inédito no Brasil, o programa de Softlanding proporcionará o intercâmbio entre as empresas instaladas nas três unidades.

“Seria mais complexo para uma indústria aqui do Rio fazer conexão para projetos de inovação com outra região do país. Essa parceria amplia a possibilidade de interação entre a indústria e as empresas inovadoras que estão residentes nesses parques”, afirma Bruno Gomes, diretor de Inovação do Sistema Firjan.

A Firjan integra o Conselho Diretor do Parque Tecnológico da UFRJ e José Carlos Pinto, diretor geral da unidade, participa do Conselho Empresarial de Tecnologia da Firjan.

A parceria corresponde à agenda positiva do Mapa do Desenvolvimento 2016-2025, elaborado pela Federação, que propõe fortalecer o ambiente de inovação no estado do Rio, entre outros pontos. “Nosso papel é criar um ecossistema favorável para que a inovação aconteça, a partir das demandas da indústria”, explica Gomes.

Cada parque irá reservar cinco vagas nos respectivos espaços de co-working para receber as empresas, que poderão interagir com o ecossistema e parceiros. A expectativa é que as primeiras já estejam instaladas entre março e maio deste ano. O Parque Tecnológico da UFRJ é o maior do país.

“É um primeiro passo para a mobilidade das empresas que têm interesse em expandir o território. Trata-se da primeira vez que os grandes parques brasileiros se organizam para fomentar essas ações em conjunto. O objetivo é expandir a ação para um maior número de ambientes de inovação”, afirma José Carlos Pinto.

Ele informa ainda que o Parque está assinando outro acordo de parceria, desta vez com o TusPark, da China, com o objetivo de incentivar e apoiar a internacionalização das empresas de base tecnológica sediadas nos dois ambientes, em particular as pequenas e médias empresas.



Fonte: Redação/Assessoria Firjan
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar