acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Bolívia

Para a Petrobras o contrato está equilibrado

16/08/2006 | 00h00

O diretor de gás e energia da Petrobras, Ildo Sauer, comentou o andamento das negociações com a Bolívia a respeito do preço do gás natural. Sobre a possibilidade de o país andino optar por uma decisão arbitral, conforme havia anunciado o ministro das Minas e Energia, Andrés Soliz Rada, Sauer considera que é uma opção prevista no contrato e pode ser usada no caso de alguma das partes se sentir prejudicada.

No entanto, o diretor da Petrobras, avalia que o contrato de compra e venda de gás natural entre Brasil e Bolívia está equilibrado, inclusive com vantagens para o produtor. As negociações serão retomadas a partir de setembro e continuarão durante os dois meses seguintes.

Ildo Sauer destaca, entretanto, que em nenhum momento houve risco de descumprimento do contrato e considera que "a Bolívia tem se posicionado como um fornecedor confiável de gás natural para o Brasil, assim como tem sido para a Argentina há muitos anos".

A informação foi divulgada durante o XI Congresso Brasileiro de Energia realizado nesta quarta-feira (16/08), no Rio de Janeiro.



Fonte:
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar