acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Economia

Países do BRICS alavancam a demanda de energia

13/04/2011 | 12h22
O presidente da Petrobras, José Sergio Gabrielli de Azevedo, participou nesta quarta (13) como palestrante do Encontro Anual do Mecanismo de Cooperação Interbancária e Fórum Financeiro dos Países do BRICS, realizado na cidade de Sanya, na ilha chinesa de Hainan. Representantes de diversas instituições e organizações financeiras do Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul participaram do evento, que teve como tema “Cooperação Financeira para um Futuro Melhor”.
 
 
Durante sua apresentação, Gabrielli disse acreditar que os países do BRICS continuarão a atuar como uma “força motora para o crescimento”, o que levará a uma maior demanda por energia nesses países e trará oportunidades para empresas do setor. O presidente da Petrobras também destacou o ponto ótimo de cooperação entre os países do BRICS para empresas de energia, com a Rússia e o Brasil atuando como os principais produtores de petróleo, complementando a China e a Índia, principais refinadores.
 
 
"O Brasil apresenta a maior perspectiva de crescimento de produção, com as maiores descobertas offshore já realizadas", afirmou Gabrielli. Ressaltou, ainda, a importância de combinar programas de financiamentos e de conteúdo local para o desenvolvimento das redes de fornecedores da indústria do petróleo. "Precisamos desenvolver a cadeia de fornecedores de produtos e serviços em nossas economias locais. Essa é a forma de minimizar os riscos da doença holandesa", declarou.
 
 
Gabrielli também chamou atenção para as oportunidades comerciais no Brasil. “Estamos dando boas vindas às empresas parceiras dos países do BRICS para direcionar parte de suas operações para o Brasil”, disse. “Aumentar os contatos de negócios e desenvolver alianças estratégicas são os caminhos mais importantes que podemos construir”. O evento foi promovido em agenda paralela à Cúpula de Chefes de Estado e de Governo do BRICS, realizada na China, com o intuito de fortalecer laços comerciais entre os países. 


Fonte: Agência Petrobras
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar