acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
OTC 2018 - Pavilhão Brasil

Ouro Negro apresenta robô Tatui

02/05/2018 | 10h12

Em seu segundo ano na Offshore Technology Conference (OTC), que vai até o dia 3 de maio em Houston, Texas (EUA), a Ouro Negro, empresa brasileira de tecnologia com foco no desenvolvimento de soluções inteligentes para a indústria de Óleo & Gás, está apresentando o robô de inspeção Tatui, que integra o portfólio de produtos alinhados com a indústria 4.0 global.

O robô Tatui dispõe de sistema de autopropulsão, sendo projetado para uso em tubulações não-pigáveis com diâmetros entre 2.5” a 21”. Controlado remotamente, o robô da Ouro Negro atua sem necessidade de pressão ou fluxo na tubulação, realizando curvas do tipo “back to back” com 1,5D de raio. O sistema de locomoção auto ajustável torna possível a inspeção de tubulações multidiâmetro em qualquer direção. O Tatui gera e grava dados em tempo real, podendo ser utilizado na manutenção de risers de perfuração, uma das grandes demandas da indústria de óleo e gas, que vem operando em condições cada vez mais severas.

“Essas características conferem ao Tatuí uma grande variedade de aplicações. Entre elas, o monitoramento de risers de perfuração, devido à capacidade do robô de inspecionar as linhas auxiliares, incluindo o choque e o kill, de menor diâmetro. Assim, a inspeção obrigatória de risers de perfuração se torna mais simples e econômica, uma vez que o Tatui dá ao operador a possibilidade de execução offshore”, destaca Eduardo Costa, diretor executivo e CEO da Ouro Negro.

A Unidade de Sistemas Robóticos, juntamente com a de Data Intelligence, criadas em 2017, ampliaram a capacidade da Ouro Negro de oferecer soluções tecnológicas inovadoras para auxiliar a indústria de óleo & gás a ter maior eficiência, produtividade e segurança, com menor custo e risco. Criada em 2010 a partir da incorporação de quatro spin-offs de renomados laboratórios da PUC-Rio e com sete patentes depositadas no Brasil e no exterior, a Ouro Negro tem em seu portfólio o MODA (Monitoramento Óptico Direto no Arame). Ele faz parte do conjunto de soluções pioneiras para o desenvolvimento do pré-sal utilizadas pela Petrobras, que recebeu a Distinguished Achievement Award da Offshore Technology Conference (OTC), em 2015. “Já fornecemos mais de 200 sistemas MODA para plataformas que operam nos campos do pré-sal”, revela Eduardo Costa

Desenvolvido em parceria entre o Centro de Pesquisa e Desenvolvimento Leopoldo Américo Miguez de Mello (Cenpes-Petrobras) e a PUC-Rio, esse sistema de monitoramento da integridade de dutos flexíveis foi apresentado na OTC em 2017. Com capacidade de gerar um grande volume de dados em tempo real, o MODA detecta o rompimento dos arames dos risers flexíveis, que transportam hidrocarbonetos do poço às plataformas do tipo FPSO. “Com sistemas que fazem uso de ferramentas de Data Analytics, auxiliamos a tomada de decisão, minimizando riscos de acidentes e reduzindo custos com paradas de produção”, conclui Eduardo Costa.

Institucional



Fonte: Redação/Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar