acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
P-50

O alívio da plataforma da auto-suficiência

19/05/2006 | 00h00

 A primeira produção da P-50 chegará em algumas horas no Terminal de São Sebastião, no litoral de São Paulo. Cerca de 80 mil toneladas de petróleo bruto foram retiradas da plataforma pelo navio de posicionamento dinâmico Ataulfo Alves.

A operação de alívio começou no  início  da tarde de quarta-feira (17/5). O Ataulfo Alves chegou ao Campo de Albacora Leste, na Bacia de Campos  (RJ), onde está localizada a P-50, por volta das 16h30 de terça-feira. Em menos de 24 horas, foram realizadas as complexas operações de aproximação, lançamento de cabos e a conexão entre as duas gigantescas embarcações.

Com a transferência das primeiras toneladas de petróleo da  P-50, a produção que vai ajudar a consolidar a auto-suficiência brasileira começou a concretizar-se. Emocionada, a tripulação do Ataulfo ergueu a bandeira do Brasil, enquanto quase um milhão de barris armazenados nos tanques localizados no casco da P-50 eram transferidos para os do navio DP da Transpetro.

Neste momento, o Ataulfo Alves está navegando rumo ao Terminal de São Sebastião, carreando não só petróleo com também uma tripulação orgulhosa por ter participado deste desafio. 

Afinal, é a Transpetro, com sua frota de 51 navios – entre  eles seis navios de posicionamento dinâmico como o Ataulfo Alves – que vai garantir o escoamento das novas plataformas, possibilitando que elas aumentem a produção diária de petróleo até atingir a meta de 1,9 milhão de barris.



Fonte:
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar