acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Empresas

Novas resinas automotivas da Braskem chegam ao mercado

11/10/2012 | 15h26

 

Atenta às tendências e necessidades de seus clientes, a Braskem desenvolveu novas resinas para o setor automotivo. O aprimoramento de seu portfólio tem como objetivo ampliar a oferta de produtos de alta qualidade e que estão em linha com o mercado internacional. Os novos grades de polietileno que acabam de chegar aos clientes são destinados à aplicação em sistemas de armazenamento de combustíveis. A novidade fica por conta das resinas HS4506 e HS4506A.
“O uso de polietileno na produção de tanques de combustível possibilita aliar alta segurança, redução de peso e maior grau de liberdade no design em relação ao de metal, o que possibilita um melhor aproveitamento do espaço disponível no veículo para a instalação dos tanques. Atualmente, 67% dos tanques automotivos já são produzidos com polietileno no Brasil”, destaca Claudia Arruda, diretora comercial da Braskem.
Nos novos grades da Braskem, a combinação única de processo produtivo, catalisador e comonômeros utilizados permitiu alcançar um produto com estrutura molecular distinta dos encontrados atualmente. Como resultado, as novas resinas possuem melhor processabilidade, resistência química e à corrosão, peso reduzido, durabilidade, melhor compatibilidade com outras resinas e baixa condutividade térmica.
A resina HS4506 foi desenvolvida para produção de tanques de combustível automotivos, bem como para fabricação de tubos de enchimento e de reservatórios de partida a frio. Também é indicada para produção de tanques fluoretados e coextrudados.
Já a resina HS4506A é especialmente aditivada para garantir maior resistência à radiação ultravioleta e às intempéries. A resina é destinada à produção de tanques de combustível para caminhões e para o segmento de reposição automotiva. Um dos seus destaques é aparência homogênea, ideal para tanques aparentes, como no caso dos caminhões.

Atenta às tendências e necessidades de seus clientes, a Braskem desenvolveu novas resinas para o setor automotivo. O aprimoramento de seu portfólio tem como objetivo ampliar a oferta de produtos de alta qualidade e que estão em linha com o mercado internacional. Os novos grades de polietileno que acabam de chegar aos clientes são destinados à aplicação em sistemas de armazenamento de combustíveis. A novidade fica por conta das resinas HS4506 e HS4506A.


“O uso de polietileno na produção de tanques de combustível possibilita aliar alta segurança, redução de peso e maior grau de liberdade no design em relação ao de metal, o que possibilita um melhor aproveitamento do espaço disponível no veículo para a instalação dos tanques. Atualmente, 67% dos tanques automotivos já são produzidos com polietileno no Brasil”, destaca Claudia Arruda, diretora comercial da Braskem.


Nos novos grades da Braskem, a combinação única de processo produtivo, catalisador e comonômeros utilizados permitiu alcançar um produto com estrutura molecular distinta dos encontrados atualmente. Como resultado, as novas resinas possuem melhor processabilidade, resistência química e à corrosão, peso reduzido, durabilidade, melhor compatibilidade com outras resinas e baixa condutividade térmica.


A resina HS4506 foi desenvolvida para produção de tanques de combustível automotivos, bem como para fabricação de tubos de enchimento e de reservatórios de partida a frio. Também é indicada para produção de tanques fluoretados e coextrudados.


Já a resina HS4506A é especialmente aditivada para garantir maior resistência à radiação ultravioleta e às intempéries. A resina é destinada à produção de tanques de combustível para caminhões e para o segmento de reposição automotiva. Um dos seus destaques é aparência homogênea, ideal para tanques aparentes, como no caso dos caminhões.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar