acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Expansão

Nexans inaugura sua primeira fábrica na Rússia

17/12/2008 | 15h21

Referência na indústria de cabos, a Nexans anuncia a inauguração da primeira fábrica do grupo na Rússia. Localizada em Ouglich, o empreendimento representa um investimento de 35 milhões de euros. A iniciativa prevê o atendimento dos setores de construção civil e de infra-estrutura de todas as repúblicas da ex-União Soviética.

 

A nova planta vai produzir condutores de energia de baixa e média tensão para aplicações em obras subterrâneas e aéreas. Em virtude da expansão do mercado russo de construção civil, a fábrica de Ouglich vai apostar na produção de uma linha completa de cabos livres de halogênio, que previnem a propagação do fogo, proporcionando maior segurança.

 

Com a instalação de uma unidade da Nexans no país, mais de 180 pessoas serão empregadas na região e encaminhadas para treinamentos em outras fábricas da empresa. “Estamos convencidos de que a Rússia dispõe de um grande potencial de crescimento, oferecendo amplas oportunidades para o grupo”, afirma Gérard Hauser, presidente e CEO da Nexans.

 

Presente no mercado russo há mais de uma década, a Nexans participou de projetos de grande escala, como o fornecimento de cabos para a hidroelétrica de Zhiguli e para a base espacial de Baikonur.  Além disso, as primeiras obras de expansão da rede de alta tensão que servem as cidades de Moscou e San Petersburgo foram realizadas com tecnologia Nexans.  Em 2007, o grupo registrou um volume de vendas da ordem de 77 milhões de euros na Rússia.

 

Sobre a Nexans

 

Referência no setor, a Nexans oferece uma extensa linha de produtos e sistemas de cabeamento para os setores de infra-estrutura, indústria e construção civil. O grupo atende os segmentos de mercado de energia, transportes, telecomunicações, construção naval, petróleo e gás, energia nuclear, automotivo, eletrônico, aeronáutica e automatização.

 

A empresa possui cerca de 22 mil colaboradores no mundo e está presente em mais de 80 países. Administra oito centros de pesquisa e desenvolvimento. Desde 2001 está listada na Bolsa de Valores de Paris. Em 2007 faturou 7,5 bilhões de euros.



Fonte: Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar