acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Indústria naval

Navios de apoio offshore contruídos no Rio poderiam ser usados no exterior

25/11/2005 | 00h00

O estaleiro BrasFels, em Angra dos Reis, fará a entrega de dois PSV (Plataform Supply Vessel), navios de apoio offshore, ao grupo dinamarquês Maersk no Brasil, neste sábado (26/11). Os navios, também batizados na ocasião, serão utilizados no apoio às plataformas em operação na Bacia de Campos, mas por serem maiores e terem sido construídos com cascos duplos, também atendem às exigências para atuação no mercado internacional.

O investimento em cada embarcação foi de US$ 30 milhões para cada navio e as construções estão gerando cerca de 500 empregos diretos no estaleiro, segundo informa o secretário estadual de Energia, Indústria Naval e Petróleo, Wagner Victer, que estará presente à cerimônia.

Ainda segundo Victer, a construção destas embarcações está sendo classificada por especialistas e executivos do setor como prova de que a indústria naval fluminense está apta a realizar construções sofisticadas, com tecnologia de ponta, e a praticar preços e prazos competitivos em relação ao mercado internacional. "Afinal, esta é a primeira encomenda do Grupo Maersk no Brasil, que já entra no mercado produzindo um dos maiores navios deste tipo já construídos no País", frisou o secretário.

As embarcações terão 4.500 toneladas de porte bruto, 89,40 metros de comprimento; 18,8 metros de largura; 6,2 metros de calado e 7,6 metros de pontal. A motorização principal será feita por dois motores de 3.840 kw de potência.



Fonte: Redação
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar