acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Biorrefinaria

MWV Specialty Chemicals inicia expansão de biorrefinaria no Brasil

30/09/2014 | 13h45

 

A MWV Specialty Chemicals inicia no Brasil o projeto de expansão de sua biorrefinaria situada no município de Palmeira, em Santa Catarina. A unidade receberá o investimento de R$ 6 milhões para concluir a fase de engenharia e cobrir as despesas envolvidas com os processos de aquisição da nova coluna de destilação e demais equipamentos como bombas e trocadores de calor. Líder mundial em especialidades químicas, a MWV Specialty Chemicals é uma divisão da MWV (MeadWestvaco Corporation).
 
O objetivo da empresa é maximizar o rendimento e a qualidade dos produtos gerados na biorrefinaria a partir do fracionamento da matéria-prima Tall Oil, obtido como um coproduto orgânico no processo de fabricação de papel e celulose a partir do pinus. A expansão permitirá a produção em proporções diferentes de Ácidos Graxos de Tall Oil (TOFA), de Tall Oil Destilado (DTO) e de Breu de Tall Oil (TOR). 
 
“Trata-se de um importante passo para o crescimento global do negócio da MWV Specialty Chemicals, pois adotaremos a tecnologia necessária para atendermos eficientemente o mercado e permitir a diversificação do nosso portfólio de produtos a partir do Brasil”, diz Alexandre Castanho, diretor geral da MWV Specialty Chemicals na América Latina.
 
O processo de compra da nova coluna de destilação foi iniciado em agosto de 2014 e a etapa de construção deve começar nos primeiros meses de 2015, após a obtenção das licenças necessárias. A produção, dentro da nova configuração de operação da planta, deve acontecer no primeiro trimestre de 2016.
 
Única na América Latina a realizar o fracionamento de Tall Oil, a biorrefinaria da MWV Specialty Chemicals em Palmeira-SC destina sua produção para a fábrica de derivativos da empresa em Duque de Caxias-RJ. De lá, saem para o mercado lubrificantes para perfuração de petróleo, resinas para adesivos, intermediários para a produção de sabões e detergentes, tintas e para flotação de minérios, entre outros derivativos. A produção atende principalmente o Brasil e América Latina e a ampliação do portfólio habilita a unidade para atender mercados na Europa e Ásia. A fábrica de derivativos em Duque de Caxias vem recebendo investimentos para preparar-se para a escala de produção mais diversificada para aproveitar os benefícios que a expansão da biorrefinaria irá gerar.
 
A MWV Specialty Chemicals está no Brasil desde 2008 como uma joint-venture com a Resitec Indústria Química. Em 2012, a divisão ampliou sua presença no País com a aquisição de 100% do controle da Resitec, para atualizar sua tecnologia e introduzir no mercado inovações capazes de substituir especialidades químicas com matéria-prima mineral e, assim, buscar processos produtivos mais sustentáveis.
 
Sobre a MWV Specialty Chemicals
Líder mundial em especialidades químicas, a MWV Specialty Chemicals é uma divisão da MWV (MeadWestvaco Corporation). Seu negócio é baseado na Química da Árvore e construído com base em recursos renováveis para oferecer ao mercado especialidades químicas derivadas de coprodutos da fabricação de celulose a partir do Pinus.
 
A divisão realiza o fornecimento global de derivados de Ácidos Graxos de Tall Oil (TOFA), de Tall Oil Destilado (DTO) e de Breu de Tall Oil (TOR), produzindo, comercializando e distribuindo na América do Norte, Europa, América Latina, Ásia-Pacífico e Índia.
 
A divisão atende aos crescentes mercados de Pine Chemicals, Asphalt Innovations, Oilfield Chemicals e Carbon Technologies e possui profundo conhecimento das necessidades dos clientes, produtos diferenciados e inovadores, conhecimento técnico e alcance global. No Brasil, a MWV Specialty Chemicals conta com unidade para produção de derivativos, em Duque de Caxias - RJ, uma biorrefinaria, única na América Latina, em Palmeira – SC. Os escritórios comerciais e administrativos ficam em Campinas – SP e Rio de Janeiro – RJ.

A MWV Specialty Chemicals inicia no Brasil o projeto de expansão de sua biorrefinaria situada no município de Palmeira, em Santa Catarina.

A unidade receberá o investimento de R$ 6 milhões para concluir a fase de engenharia e cobrir as despesas envolvidas com os processos de aquisição da nova coluna de destilação e demais equipamentos como bombas e trocadores de calor.

Líder mundial em especialidades químicas, a MWV Specialty Chemicals é uma divisão da MWV (MeadWestvaco Corporation). 

O objetivo da empresa é maximizar o rendimento e a qualidade dos produtos gerados na biorrefinaria a partir do fracionamento da matéria-prima Tall Oil, obtido como um coproduto orgânico no processo de fabricação de papel e celulose a partir do pinus. A expansão permitirá a produção em proporções diferentes de Ácidos Graxos de Tall Oil (TOFA), de Tall Oil Destilado (DTO) e de Breu de Tall Oil (TOR).  

“Trata-se de um importante passo para o crescimento global do negócio da MWV Specialty Chemicals, pois adotaremos a tecnologia necessária para atendermos eficientemente o mercado e permitir a diversificação do nosso portfólio de produtos a partir do Brasil”, diz Alexandre Castanho, diretor geral da MWV Specialty Chemicals na América Latina. 

O processo de compra da nova coluna de destilação foi iniciado em agosto de 2014 e a etapa de construção deve começar nos primeiros meses de 2015, após a obtenção das licenças necessárias.

A produção, dentro da nova configuração de operação da planta, deve acontecer no primeiro trimestre de 2016. 

Única na América Latina a realizar o fracionamento de Tall Oil, a biorrefinaria da MWV Specialty Chemicals em Palmeira-SC destina sua produção para a fábrica de derivativos da empresa em Duque de Caxias-RJ.

De lá, saem para o mercado lubrificantes para perfuração de petróleo, resinas para adesivos, intermediários para a produção de sabões e detergentes, tintas e para flotação de minérios, entre outros derivativos.

A produção atende principalmente o Brasil e América Latina e a ampliação do portfólio habilita a unidade para atender mercados na Europa e Ásia.

A fábrica de derivativos em Duque de Caxias vem recebendo investimentos para preparar-se para a escala de produção mais diversificada para aproveitar os benefícios que a expansão da biorrefinaria irá gerar. 

A MWV Specialty Chemicals está no Brasil desde 2008 como uma joint-venture com a Resitec Indústria Química.

Em 2012, a divisão ampliou sua presença no País com a aquisição de 100% do controle da Resitec, para atualizar sua tecnologia e introduzir no mercado inovações capazes de substituir especialidades químicas com matéria-prima mineral e, assim, buscar processos produtivos mais sustentáveis.

 



Fonte: Redação/ Assessoria
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar