acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
publicidade
Rio Grande

Município realiza fórum regional sobre petróleo e gás

02/09/2008 | 04h57

O município de Rio Grande, a 317 km de Porto Alegre, será sede do 18º Fórum Regional do Programa de Mobilização da Indústria Nacional de Petróleo e Gás Natural (Prominp). O lançamento do fórum será na quinta-feira (4), às 8 horas, no auditório Cidec-Sul, no Campus da Fundação Universidade Federal do Rio Grande (Furg). Na ocasião serão realizados diversos painéis sobre atividades relacionadas à cadeia do petróleo e gás.

 

A iniciativa tem por objetivo atender demandas regionais não mapeadas na carteira de investimentos do setor de óleo e gás em nível nacional, além de incentivar o fornecimento de bens e serviços pela indústria local e inserir as micro e pequenas empresas como fornecedoras da cadeia produtiva de petróleo e gás. Para o coordenador do Comitê Regional do Prominp, Paulo Edison Pinho, a cidade de Rio Grande foi escolhida para ser sede de um fórum regional em função dos grandes investimentos na área naval, como a construção de plataformas e navios transportadores de petróleo e gás.

 

'A idéia do fórum é qualificar empresas para que possam fornecer mão-de-obra e também se interessar por futuros negócios na área, oferecendo inclusive capacitação tecnológica para as indústrias de bens e serviços', diz. Paulo Pinho ressalta ainda que há cuidado especial em relação às micro e pequenas empresas, já que ao longo dos 17 Fóruns Regionais realizados por todo o País foram catalogados mais de 2,1 mil pequenos negócios potenciais fornecedores da cadeia do petróleo e gás.

 

Na quinta-feira (4) à tarde, o Sebrae no Rio Grande do Sul participa de um painel no qual serão apresentadas as estratégias para a formação do Arranjo Produtivo Local (APL) da Construção Naval. Durante o painel, representantes da Instituição farão uma exposição sobre a capacitação empresarial a ser oferecida às micro e pequenas empresas integrantes do projeto. Também estarão presentes representantes da Fundação Universidade Federal do Rio Grande (Furg), que apresentará o tema capacitação tecnológica; da Secretaria do Desenvolvimento e dos Assuntos Internacionais (Sedai), que abordarão a constituição do APL; e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), que falarão sobre a questão da educação profissional. Cada entidade terá 15 minutos para expor suas ações.

 

No painel, o gestor do Projeto Estruturante do Petróleo, Gás e Energia do Sebrae no Rio Grande do Sul, Luis Guilherme Gonçalves Menezes, irá expor as estratégias da Instituição na busca pela reorganização do Arranjo Produtivo Local (APL) da Construção Naval. 'Para isso ocorrer, deverá existir uma parceria forte entre grandes empresas da região, Sebrae e Petrobras para locar recursos destinados à capacitação dos empreendedores', avalia.

 

O Projeto Estruturante do Petróleo, Gás e Energia do Estado do Rio Grande do Sul objetiva a inserção de micro e pequenas empresas nesses segmentos, fortalecendo a atuação dos empreendimentos em rede. Já o Prominp é um programa instituído pelo Governo Federal por meio do Decreto nº 4.925, do dia 19 de dezembro de 2003, cujo objetivo é maximizar a participação da indústria nacional de bens e serviços, em bases competitivas e sustentáveis, na implantação de projetos de petróleo e gás natural no Brasil e no exterior. O Programa tem a coordenação do Ministério de Minas e Energia e da Petrobras.



Fonte: A Gazeta - ES
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar