acesso a redes sociais
  • tumblr.
  • twitter
  • Youtube
  • Linkedin
  • flickr
conecte-se a TN
  • ver todas
  • versão online
  • Rss
central de anunciante
  • anunciar no site
  • anunciar na revista
Bicombustíveis

Modelos `flex fuel` lideram vendas no mercado interno

07/06/2005 | 00h00

Os modelos bicombustíveis (movidos a álcool, gasolina ou com a combinação de ambos) responderam por 49,5% das vendas de automóveis e comerciais leves em maio no mercado interno.
É a primeira vez que a categoria, comercializada desde março de 2003, ultrapassa a venda de carros a gasolina. No mês, foram comercializadas 67,5 mil unidades "flex fuel", contra 59,1 mil a gasolina (o correspondente a 43,3% do total) 5,2 mil a diesel e apenas 2,7 mil movidos a álcool. Os números são da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).
No acumulado dos cinco primeiros meses do ano, há ainda a predominância dos carros movidos a gasolina, que representaram 56,3% do total comercializado (354,1 mil unidades, ante as 231,1 mil bicombustíveis).
De acordo com Rogelio Golfarb, presidente da entidade, o avanço das vendas dos bicombustíveis refletem a disponibilidade dos modelos nas concessionárias, mas não um aumento significativo de vendas de carros. "É uma migração", explicou.
Além disso, disse ele, as revendedoras não estão repassando parte dos custos dos modelos flex - a tecnologia é mais cara em comparação a motores que usam apenas um combustível - o que estimula as vendas.
Entretanto, Golfarb não quis estimar qual percentual os bicombustíveis devem representar do total de unidades novas comercializados daqui para frente. "Devemos esperar ainda qual a repercussão do motor flex em modelos mais luxuosos". 



Fonte: Valor Econômico
Seu Nome:

Seu Email:

Nome do amigo:

Email do amigo:

Comentário:


Enviar